15 de abril de 2021

TJAM vai inaugurar fórum em Japurá

Uma equipe de técnicos do TJAM (Tribunal de Justiça do Amazonas) já se encontra no municpio de Japurá, a 1.200 km de Manaus em linha reta, para trabalhar os últimos detalhes da inauguração do fórum Desembargador Affmar Caboverde, falecido em 2008

Uma equipe de técnicos do TJAM (Tribunal de Justiça do Amazonas) já se encontra no municpio de Japurá, a 1.200 km de Manaus em linha reta, para trabalhar os últimos detalhes da inauguração do fórum Desembargador Affmar Caboverde, falecido em 2008.
A inauguração será feita na quarta-feira, pelo desembargador-presidente Domingos Jorge Chalub, que desembarcará no município acompanhado do procurador-geral de justiça, Otávio Gomes. O cerimonial do TJAM confirmou a presença da esposa de Caboverde, Mônica e de seu filho, o advogado Affimar Filho. Está prevista também a vinda da desembargadora, Graça Figueiredo, mas isso ainda não havia sido confirmado.
De acordo com a juíza, Elza Vitória de Sá Peixoto Pereira, a conclusão do fórum era um antigo pleito da comarca e só foi posssível graças a um mutirão de esforços que envolveu a prefeitura, o Tribunal de Justiça e até alguns representantes da comunidade. “Até as ruas no entorno do fórum, que estavam em condições precárias, foram recapeadas pela prefeitura que tem nos auxiliado muito no trabalho de levar justiça ao povo dessa comunidade que até pouco tempo vivia quase que no isolamento”, comentou a magistrada.
Além do fórum totalmente reformado, a comarca também inaugura o Sispro, programa da mais experiente empresa de serviços, sistemas e consultoria para a área administrativo-financeira. A comarca também inaugura o Projudi, um software de tramitação de processos judiciais mantido pelo Conselho Nacional de Justiça e em franca expansão em todos os Estados do Brasil. Atualmente, 19 dos 27 estados brasileiros aderiram ao Projudi. Seu nome decorre das iniciais de Processo Judicial Digital. “Na verdade o sistema já vinha funcionando com regularidade aqui na comarca, mas sua inauguração oficial acontecerá junto com a inauguração do fórum”, explicou a juíza Elza.
Com pouco mais de 5.000 habitantes, o município de Japurá faz divisa com São Gabriel da Cachoeira e Santo Antônio do Içá. Considerado um município pacato, registra um total de 252 processos ativos.
De acordo com a juíza Elza Vitória, dos que estão incluídos na Meta 2, isto é, aqueles que deram entrada até 2005, existem apenas 49 processos – 36 criminais e 13 cíveis.
“Mas isso a gente consegue zerar nos próximos dias”, garante a juza Elza Vitória, que está na comarca há um ano e oito meses.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email