Taxas bancárias têm leve queda em agosto, aponta Procon-SP

Pesquisa feita pela Fundação Procon São Paulo revelou que a taxa mensal dos empréstimos em agosto foi de 5,27% ao mês, com decréscimo de 0,02 ponto percentual ante os 5,29% em julho. No cheque especial, a taxa média cobrada pelos bancos foi de 8,22% ao mês, inferior à do mês anterior, de 8,23% – com recuo de 0,01 ponto percentual.
Segundo a instituição, a tendência decrescente das taxas de juros se mantém, ainda que com variações menores em relação ao mês passado, quando a taxa mensal dos empréstimo caiu 0,08 ponto percentual em relação a junho, e no caso do cheque, 0,06 ponto percentual. Apenas três instituições reduziram a taxa do empréstimo pessoal de julho para agosto: CEF (de 4,68% para 4,49% ao mês), Bradesco (5,51% para 5,47% ao mês) e Itaú (5,95% para 5,92% ao mês). Os demais bancos mantiveram suas taxas de empréstimo pessoal, aponta o estudo. No caso do cheque especial, apenas dois bancos revisaram suas taxas no mesmo período. Banco do Brasil e Bradesco reduziram em 0,04 ponto percentual, de 7,60% para 7,56% e de 7,95% para 7,91%, respectivamente. Os demais bancos mantiveram suas taxas de cheque especial. Em julho, o Copom reduziu a taxa Selic de 12% para 11,50% ao ano. Essa foi a 17ª redução seguida na taxa básica. Considerando a possibilidade de variação da taxa do empréstimo pessoal em razão do prazo do contrato, o Procon estipulou o período de 12 meses para a pesquisa, já que todos os bancos pesquisados trabalham com este prazo.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email