Taxa de juros do BCE é mantida em 4% ao ano

O BCE (Banco Central Europeu) manteve sua taxa de juros em 4% ao ano. O presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, havia sinalizado no início de agosto que poderia haver um aumento da taxa para conter o avanço da inflação, mas com a crise causada pelos créditos de risco nos EUA o banco adiou a elevação.
A expectativa dos economistas agora é pelo comunicado de Trichet, para saber qual a avaliação que o BCE faz do efeito da crise causada pelas hipotecas de risco nos Estados Unidos sobre a economia da zona do euro.
Trichet vem afirmando nas últimas reuniões que o banco mantém uma “forte vigilância” sobre o comportamento dos preços, o que é visto como sinal de que a taxa de juros do BCE pode subir, devido ao ritmo de recuperação da economia da zona euro.
Com a crise financeira, as Bolsas atravessaram um período de acentuadas quedas no mês passado.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email