STF abre inquérito para apurar caso Paulinho

O STF (Supremo Tribunal Federal) abriu inquérito a pedido do procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, para apurar o envolvimento do deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), o Paulinho da Força Sindical, no esquema de desvio de recursos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).
O Supremo, no entanto, ainda não autorizou o Ministério Público Federal a investigar o parlamentar. A Corte pode se pronunciar sobre o assunto.
O objetivo do procurador-geral é aprofundar as investigações sobre o possível envolvimento de Paulinho no caso, revelado na Operação Santa Tereza, da Polícia Federal.
A assessoria da Procuradoria Geral da República não informou detalhes do pedido de Souza porque o processo tramita em sigilo na Justiça Federal em São Paulo. O envio do inquérito ao STF foi solicitado pelo Ministério Público Federal, uma vez que Paulinho tem foro privilegiado por ser deputado federal.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email