Startup manauara desenvolve robô autônomo com múltiplas funcionalidades

Em 2004, quando estreou o  filme “Eu, Robô” a gente meio que se sentia em outra dimensão. Em menos de duas décadas dessa estreia, os robôs já são realidade! Da ficção à realidade, uma startup manauara, chamada Acta Robotics, desenvolveu uma plataforma robótica para transporte de cargas e de equipamentos, e que se adapta para higienizar os ambientes. O Kappabot, nome do robô, é capaz de realizar múltiplas funções, pois permite a adaptação e/ou trocas de diferentes módulos operacionais, sistemas que possibilitam que o robô seja multifuncional. Essa adaptabilidade do aparelho permitiu  a criação do módulo OMIXA, que está sendo utilizado para a higienização de hospitais e de outros ambientes públicos. 

Como o Kappabot se utiliza de mapeamento à laser, tecnologia similar às utilizadas nos carros autônomos, o robô não precisa seguir linhas ou refletores para funcionar e realizar as tarefas, já que é possível programar antecipadamente o percurso e local por onde o robô deve seguir. Aí, você deve estar se perguntando: e se tiver uma pedra no meio do caminho? O Kappabot desvia dos obstáculos e traça novas rotas, caso seja necessário. Ah! E quando está com a bateria baixa, o robô vai até a estação de carregamento mais próxima e se auto carrega. 

A empresa conta ainda com um módulo chamado e-commerce, perfeito para galpões logísticos focados em comércio digital, pois possui um tablet embutido para facilitar as operações.

Planos para o futuro? Muitos! De acordo com Marcus Lima, CEO da Acta Robotics há muito espaço para o crescimento da nascente. “A gente possui alguns módulos, como, por exemplo, um que são prateleiras e que servem para fazer algum tipo de transporte de madeira dentro de um galpão logístico de uma indústria”, comenta.

Atualmente,  o robô está em operação no Hospital Universitário Getúlio Vargas em Manaus. Contudo, a Acta Robotics pretende expandir a distribuição de seus robôs inteligentes para todo o Brasil. Também pretende abrir novo escritório em Manaus e estreitar novas parcerias, principalmente no segmento de automação para desenvolver novos módulos para o Kappabot.

O custo do Kappabot varia muito porque a empresa possui três formas de monetização: a primeira é a venda direta do robô, a segunda é o aluguel e a terceira é por operações. Mais informações no site (www.actarobotics.com)  e pelo (92) 99143-5992. 

Na pandemia, venda de air fryers vai às alturas 

Com bares e restaurantes fechados, o jeito foi se virar com a queridinha da cozinha: a fritadeira sem óleo! Desde o início da pandemia, a busca pelo termo no Google disparou. Enquanto em março de 2020 o termo “air fryer” chegou ao índice de 35 no total de 100, em novembro alcançou o pico! As buscas se reverteram em consumo. De acordo com os dados da consultoria GFK, no mesmo ano, o crescimento de vendas da fritadeira chegou a 22% comparando com o ano de 2019. Corroborando com essa tendência, os últimos cinco anos o volume de vendas cresceu 194,4%, conforme a provedora de pesquisa de mercado Euromonitor. 

Loja de jalecos inicia operação no Millennium Shopping 

A Dress Jalecos de Luxo acaba de abrir a primeira loja física e o local escolhido foi o Millennium Shopping. Para o pessoal da área da saúde, tão requisitado em tempos de pandemia, essa é uma ótima notícia, afinal, quem não quer estar bem-vestido no ambiente de trabalho? Na loja, o cliente encontra diversas opções de toucas, aventais de proteção, máscaras e jalecos com qualidade e design diferenciado. O público também encontrará as famosas “scrubs”, conhecidas também como roupa privativa, usadas por cirurgiões, enfermeiros, médicos e outros profissionais envolvidos no atendimento ao paciente em hospitais. Os calçados hospitalares, conhecidos como “clogs”, também fazem parte do mix. Um excelente nicho de mercado pra quem quer abrir um negócio! 

Robô é capaz de se regenerar

Uma pesquisa vem chamando bastante atenção: um robô, mesmo cortado ao meio, tem a capacidade de se regenerar! Parece filme de ficção científica, né? Mas, é verdade verdadeira! A recuperação é possível graças aos avanços de técnicas de nanoengenharia. A equipe de cientistas é da Universidade da Califórnia (EUA) e vem trabalhando com robôs-nadadores. Em  vídeo disponível na internet, um quase-peixe aparece sem a cauda até que a dita cuja volta a se encaixar perfeitamente no animal. Tudo porque os robôs possuem uma espécie de barra magnética acoplada, e quando partidos ao meio, o efeito de imã pode ajudar as partes a se juntarem novamente! Tomara que a gente também consiga essa regeneração, um dia. 

RÁPIDAS & BOAS 

O Literatus, por meio do Instituto Encaminha, está lançando a Jornada de Desenvolvimento Pessoal. Marketing Pessoal, Inteligência Emocional, Gestão de Tempo e Foco e Produtividade são os cursos oferecidos. A capacitação inicia na segunda-feira (5). As inscrições podem ser realizadas no link (bit.ly/jornada-encaminha).

***************************

Na quinta-feira (8), às 15h30, irá ocorrer o terceiro webinar da série LuXtalks, em que o participante saberá como candidatar a sua startup para participar do programa de aceleração de startups do Grão-Ducado de Luxemburgo, que está com inscrição aberta. Mais informações é só acessar o link (https://bityli.com/tLOou). 

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email