11 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Soja e milho são produtos que elevam a renda agrícola do país

https://www.jcam.com.br/MMCAPA_D.jpg
A estimativa da renda agrícola, “da porteira para dentro”, dos principais produtos agrícolas cultivados no país é de R$ 149,5 bilhões para 2008.

A soja, o milho e a cana-de-açúcar representam 57% do total. O resultado do valor bruto dos vinte produtos agrícolas é 17,1% superior ao do ano passado e quase 10% acima do melhor desempenho registrado em 2003, que foi de R$ 136,3 bilhões.
Em relação à pesquisa divulgada em abril, o aumento é de 0,6%. O acompanhamento da renda agrícola é realizado mensalmente pela AGE (Assessoria de Gestão Estratégica), do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento).
O coordenador de Planejamento Estratégico do Mapa, José Garcia Gasques, explica que este incremento na renda é devido ao aumento de produção e de preços dos produtos. A produção de grãos cresceu 7,2 % em relação ao ano passado e os preços recebidos pelos agricultores, neste ano, estão em um patamar superior aos do ano passado. No oitavo levantamento da safra agrícola da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), vinculada ao Mapa, no último dia 8, a estimativa foi de 142,1 milhões de toneladas de grãos.

Soja
é lider
A soja continua puxando a estimativa de renda para cima, de R$ R$ 31,8 bilhões em 2007 para R$ 42,3 bilhões este ano. Já o desempenho do milho foi de R$ 25,3 bilhões. A cana está cotada em R$ 17,6 bilhões.
Os produtos que mais aumentaram a renda foram o feijão (95%), o café (48,23%), a cebola (40%), o amendoim (39,27%), o milho (35,2%), a soja (33%), o trigo (19,8%) e a laranja (13,6%). Entre os produtos que devem ter queda acentuada na renda deste ano estão a uva (-47,81%), a pimenta (-26,62%), o tomate (-21,73%) e a cana-de-açúcar (-14,65%).

Nordeste apresenta maior crescimento

As informações por região mostram que a maior renda agrícola em 2008 deve ocorrer no Sudeste com R$ 45,4 bilhões, seguido pelo Sul (R$ 42,4 bilhões) e Centro- Oeste (R$ 32,3 bilhões). Em relação ao ano passado, o maior aumento de renda deverá ocorrer no Centro-Oeste. A região Norte tem uma ligeira queda de renda, enquanto o Nordeste apresenta crescimento em comparação a 2007.
Cálculo da renda agrícola – A renda agrícola é calculada pela multiplicação do volume de produção da safra agrícola pelo preço recebido pelos produtores nas principais praças do país. O valor real da renda, descontada a inflação, é obtido pelo IGP-DI (Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna), da FGV (Fundação Getúlio Vargas). O valor de desempenho da agricultura sinaliza para o mercado o comportamento e a tendência das commodities.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email