Sócio invisível” rouba faturamento das redes de supermercados do Norte

À medida que os supermercados do Norte e Nordeste ampliam suas vendas (de acordo com a Associação Brasileira de Supermercados, a participação do setor nestas regiões re-presenta 18% do total faturado R$ 68,7 bilhões), os gestores e empresários começam a sentir a presença incômoda de um “sócio invisível”; que leva uma parte cada vez mais considerável dos lucros: as perdas, principalmente as provocadas por furtos de funcionários e clientes mal intencionados.

Para acabar com a ação desse “sócio”, indesejável, uma das atrações da SuperNorte 2007, evento promovido ela Aspas (Associação Paraense de Supermercados) entre os dias 15 e 17 de outubro em Belém (PA), será a apresentação das tecnologias de última geração em prevenção de furtos, compostas por sistemas de Vigilância Eletrônica de Mercadorias Ultra-Max e CFTV (Circuito Fechado de TV).

“Etiquetas antifurto e câmeras são capazes de reduzir os furtos em até 40%, ao mesmo tempo em que aumentam as vendas por acabarem com a necessidade de confinamento de produtos em balcões ou prateleiras fechadas”, destacou Abelardo Brito, especialista em prevenção de perdas da Plastrom Sensormatic (www.sensorbrasil.com.br), especializada em segurança eletrônica.

A empresa apresentará na SuperNorte 2007 sua principal linha de equipamentos, voltada para supermercados de todos os portes.

“Sem etiquetas antifurto e câmeras de circuito fechado, os prejuízos causados por furtos nas nossas lojas estariam entre 5% e 9% do faturamento”, explicou o diretor de segurança e prevenção de perdas da Yamada, Ricardo Yamada.

“É por esse motivo que atualmente todas as lojas do grupo usam sistemas eletrônicos de segurança. Não abrimos uma nova unidade sem que ela esteja protegida”, disse Brito.
Abelardo Brito, da Plastrom Sensormatic, alertou que o “sócio invisível”; não ataca somente os supermercados de grande porte.

“Pelo contrário, os médios e pequenos são as maiores vítimas, pois geralmente não possuem departamentos especializados em prevenção de perdas e até custam a admitir a existência de prejuízos por furtos, o que só agrava o problema”, asegurou o especialista
 
Atuação empresarial

Fundada em 1987, a Plastrom é uma empresa especializada em soluções de segurança eletrônica para o mercado corporativo. Em 1991, firmou uma joint venture com a norte-americana Sensormatic (líder mundial no segmento), formando a Plastrom Sensormatic.

Ao longo dos últimos 16 anos, a Plastrom Sensormatic alcançou a liderança no segmento de segurança eletrônica, com 80% de participação de mercado, tendo como clientes empresas dos mais diversos segmentos da indústria e varejo no Brasil, entre elas Wal-Mart, Carrefour, CBD, Coop, Balaroti, Lojas Americanas, Marisa, Pernambucanas, Centauro, Richards, Fox Home Entertainment, Renner, Zara, Telhanorte, Ponto Frio e Livraria Siciliano.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email