Sistema “inteligente” de energia é apresentado na ALE

Uma parceria entre a UEA e a Amazonas Energia resultou na implementação de um sistema “inteligente” para a rede de distribuição de energia elétrica no Amazonas. Trata-se do Sistema Eletrônico de Gerenciamento de Cargas da Rede Secundária de Distribuição de Energia, cujo protótipo foi apresentado ontem, 27, em uma cessão de tempo na Assembléia Legislativa, proposta pelo deputado Marco Antônio Chico Preto (PP).
O professor e pesquisador da UEA, Raimundo Cláudio Souza Gomes, que é o coordenador-técnico do projeto, disse que Manaus é a primeira cidade do mundo a operar com um sistema que prevê a otimização do funcionamento das redes de distribuição e permite ainda ao consumidor saber quanto gasta e como pode economizar energia. “Por enquanto, o que existe no mundo são discussões, mas nada de concreto”, garantiu.
O projeto, desenvolvido desde o fim do ano passado por um grupo de pesquisadores da Escola Superior de Tecnologia da Universidade do Estado do Amazonas, é inédito no Brasil e deverá ficar pronto em 2010. A perspectiva é que o protótico seja entregue aAmazonas Energia em março do próximo ano, para a realização dos primeiros testes em campo. A previsão da empresa de energia é operar o sistema a partir de 2012.
Segundo o coordenador, o benefício do projeto é imensurável. Primeiro porque resolve um problema crítico do setor energético que é a rede de distribuição de energia em baixa tensão, que corresponde a mais de 99% dos consumidores da concessionária. Na opinião de Gomes, esse projeto vai trazer para a economia do Amazonas investimentos que estão sendo realizados em nível mundial. “O governo de Barack Obama está investindo milhões em tecnologia relacionada ás redes de inteligência”, disse. Quanto aos benefícios, Gomes disse que, em médio prazo, a concessionária de energia vai poder reavaliar a sua tarifa na distribuição, onde a perda é mais intensiva.
“Se o sistema consegue equacionar os problemas da distribuição é possível pensar em redução tarifaria, com isso a população da cidade de Manaus poderá ser beneficiada”, avaliou.
Além do beneficio direto, o coordenador do projeto disse que o sistema energético será modernizado, numa preparação para a Copa de 2014, quando Manaus vai ser apresentada com uma característica de cidade que teve a primazia de implantar um sistema que ainda não existe em lugar nenhum do mundo.
O coordenador do Programa de P&B da Amazonas Energia, Benjamin Correia Costa Junior informou que o projeto conta com investimentos de aproximadamente R$ 1 milhão nesta primeira fase, oriundo dos cofres da concessionária. Ele informou que foi lançado um edital exclusivo para institutos de pesquisa local, visando beneficiar os pesquisadores do Estado.

Projeto de pesquisa

Segundo o deputado Chico Preto (PP), trata-se de um sistema revolucionário fruto da inteligência e ousadia de investimentos públicos que o governo do Estado está fazendo na inteligência da população local. “Prova de que o amazonense é capaz, basta que dêem as condições necessárias para que ele produza projetos como esses que são parâmetros para o mundo”, disse. conforme Chico Preto, o medidor digital permite ao consumidor saber com precisão quanto consumiu de energia e quanto vai pagar no fim do mês em tempo real. “È um modelo moderno, inovador, e que o Amazonas está tendo o privilégio de ser o primeiro a implantá-lo. É um projeto embrionário e que em pouco tempo será patenteado para produção em escala industrial”, disse, ressaltando que com o programa o Amazonas terá uma energia mais confiável, com gerenciamento mais seguro.
Benjamin Costa Junior, informou que o sistema vai permitir à concessionária fazer o corte de energia ilegal. “Trata-se de um beneficio tecnológico inovador, que pode ser expandido para as outras seis empresas da Eletrobras.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email