Shopping amplia parcerias de alimentação

O Manaus Plaza Shopping anuncia novidades no mix de operações do centro de compras, fortalecendo principalmente o segmento de alimentação. Abrirão as portas no empreendimento marcas como a franquia nacional BigXPicanha, Pão & Companhia (P&C), Arab Café, Cacau Show e, na área de cuidados com a saúde, Drogaria Angélica. Com as novas lojas, o superintendente do shopping, Jorge Daou, afirma que devem ser gerados pelo menos 50 novos empregos diretos.
O fortalecimento do mix na área de alimentação é uma das estratégias de crescimento do Manaus Plaza, conforme frisa Jorge Daou. “Estamos investindo, de forma bastante intensa, nas parcerias focadas neste segmento, que tem apresentado expansão relevante em Manaus”, frisou. O segmento de alimentação fora do lar emprega, atualmente, cerca de 80 mil pessoas no Estado, sendo que mais de 90% dos empregos são gerados na capital, segundo dados da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, Seção Amazonas (Abrasel-AM).
Da lista de novos empreendimentos do Manaus Plaza, o Arab Café será o primeiro restaurante a entrar em operação, com previsão para inaugurar já na próxima semana. O proprietário do restaurante, Salim Sultan, é um dos empresários que aposta no crescimento do ramo, em Manaus. “Abriremos a loja no Plaza e, ainda neste ano, vamos instalar uma fábrica de congelados e um restaurante de rua”, anunciou o empreendedor, que já conta com um ponto de venda, na cidade. Os recursos para a fábrica, diz ele, serão obtidos junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), por meio de financiamento.
O Arab Café é voltado para a culinária asiática, com destaque para as cozinhas árabe e sírio-libanesa. O diferencial do empreendimento, na avaliação do proprietário, é a qualidade da origem dos alimentos, que são importados do Líbano, além da forma tradicional de preparo. “Traremos, também, um chef diretamente do Líbano, especialmente para comandar o cardápio, que será oferecido aos clientes. As receitas são caseiras”, disse Salim, que é libanês. A loja do Manaus Plaza recebeu investimentos de R$ 130 mil e terá dez colaboradores, todos recrutados por meio do banco de currículos, disponível no shopping.
De acordo com Jorge Daou, as demais operações deverão iniciar funcionamento, no decorrer dos próximos 60 dias. Até o fim de 2012, o Manaus Plaza deverá receber pelo menos dez novas lojas, em diferentes segmentos. Mesmo sem anunciar estimativas, o executivo adianta que as novidades deverão elevar o fluxo de clientes que, atualmente, chega a 25 mil pessoas por dia.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email