Setor mobiliário corporativo cresceu 50% no AM

O setor mobiliário corporativo do Amazonas teve crescimento de 50% este ano com relação ao ano passado. Após um 2009 marcado por incertezas, devido à crise econômica que começou nos EUA e se alastrou no resto do mundo, 2010 foi o ano em que o setor conseguiu melhor desempenho pós-crise. Avaliação é do empresário e arquiteto Sérgio Luiz Marinho.
Sérgio é diretor comercial da Proven (Promoção de Vendas da Amazônia) e informou que o setor vem crescendo a cada ano no Estado, principalmente no que diz respeito a projetos corporativos, com destaques para dois grandes projetos: a conclusão do teatro do Shopping Manauara e também a conclusão do auditório da Sefaz (Secretaria da Fazenda do Estado do Amazonas), que foi todo remodelado. Marinho é representante em Manaus de empresas especializadas em mobília de escritório: a Kastrup, especializada em poltronas de auditório, cinemas, teatros e templos; a Inteface, que produz carpetes e modulados; a Caviglia que trabalha arquivos deslizantes e a Alberflex, que atua no mercado mobiliário corporativo na produção de divisórias, mesas e cadeiras.

Carpetes sustentáveis

“No projeto do teatro do Manauara foram trabalhados os carpetes e as poltronas em seus 860 metros quadrados com capacidade para 590 lugares, com a tecnologia implantada na instalação dos carpetes resultou na diminuição de 14 toneladas de emissão de gases de efeito estufa da natureza. Já no projeto do auditório da Sefaz, foram utilizados 225 metros quadrados de carpetes modulares, que possui tecnologia que resultou na retirada de quatro toneladas de emissões de gases de efeito estufa”, afirmou.
O diretor explica que essa redução é feita através de créditos associados com o ciclo de vida completo desde a extração da matéria prima até o fim de sua vida. “Isso equivale a 427 galões de gasolina não consumidos”, enfatizou.
Marinho informou ainda que no projeto foi aumentada a capacidade do auditório de 130 para 160 lugares e que os resultados obtidos com a nova tecnologia trazem benefícios para a preservação do meio ambiente.
O diretor comercial acredita que em 2011 o crescimento no setor será maior e que já está se preparando para o aumento da demanda com relação à Copa de 2014.
“A expectativa é crescermos em 2011 cerca de 60% com relação a 2010 já que o mercado local obteve grande desempenho este ano, portanto estamos pensando de forma positiva acreditando em um ano de grande crescimento e fortalecimento do setor. A Proven já está se preparando para o evento da Copa, treinando e reciclando nosso pessoal com o objetivo de prestar serviços de qualidade e com eficiência técnica, sabemos o quanto o setor vai crescer até 2014, pois existem vários projetos que com certeza irão aumentar a demanda para o mercado mobiliário do Estado”, enfatizou o empresário.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email