Serra mantém ataques à Dilma na TV

A quase um mês das eleições, o programa de rádio do presidenciável José Serra (PSDB) continua com a estratégia de desqualificar a adversária na dianteira das pesquisas, Dilma Rousseff (PT).
Na manhã de ontem, Serra valeu-se de metáfora de futebol para atacar um eventual governo Dilma, com cuidado para não deixar a artilharia ricochetear no presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
O candidato tucano comparou Lula a um “técnico de futebol que a torcida gosta” e que “vai para o exterior e indica um substituto”. Ele insinua, em seguida, que Dilma seria apenas fantoche, já que a intenção de Lula seria “coordenar o time de longe”.
Antes, Chico, personagem interpretado por um ator na propaganda tucana, questiona por que não consegue “achar nada que essa Dilma fez”. Ao que o apresentador responde: “Porque ela é a ajudante de Lula”. Outro personagem sugere que a petista tenha “uma aulas particulares com Serra e se prepare por 40 anos”, mesmo tempo do tucano na vida pública. Talvez, assim, possa ser prefeita em 2050.
O programa põe Serra como o melhor ministro da Saúde que o Brasil já teve -ele comandou a pasta na gestão de Fernando Henrique Cardoso.
Serra começou o programa com a promessa de melhorar as estradas e expandir a linha de metrô nas capitais.
Apesar das várias menções a Lula, o programa de Dilma não contou com depoimento do presidente desta vez.
A abertura da propaganda destaca a queda de Serra nas pesquisas e engata com o tema do dia: saúde pública.
Aos olhos da campanha tucana, a saúde é justamente um dos pontos fracos do governo Lula. No rádio, o apresentador diz que a situação “já começou a mudar” por causa da ampliação de serviços como água, luz e saneamento -três conquistas creditadas a Dilma por meio de projetos como o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e o Luz Para Todos.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email