Sepror e Idam entregam kits da Agricultura Familiar no sul do estado

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror) e do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), fez a entrega de 36 kits da Agricultura Familiar e de 50 Cartões do Produtor Primário (CPPs) a agricultores de comunidades do sul de Canutama (a 619 quilômetros de Manaus). A ação, que faz parte do Programa Agro Amazonas, foi realizada neste mês, em Humaitá, no sul do estado, e beneficiou famílias das vicinais a partir da Vila Açuanópolis, no Km 130 da BR-319, saindo de Humaitá no sentido Porto Velho.

Sob a coordenação da gerente da unidade local do Idam em Humaitá, Gisely Melo, a equipe técnica do Instituto está atuando na região sul de Canutama, para fazer o cadastramento de aproximadamente 3.500 agricultores familiares, que passarão a receber apoio direto do estado, ampliando suas atividades. Para o melhor desempenho deste trabalho junto aos produtores da área, o governador Wilson Lima já determinou o estudo para a instalação de uma nova Unidade Local do Idam naquela área.

“Em dezembro de 2020, o presidente do Idam visitou as unidades de produção familiar e firmou compromisso com os agricultores na execução de ações voltadas ao ordenamento ambiental e a inclusão socioeconômica e produtiva das famílias rurais”, pontuou Gisely.

As ações foram acompanhadas pelos técnicos em agropecuária, Marcos Chíxaro e Jeferson Sodré.  Entre as principais culturas desenvolvidas na região estão os cultivos da mandioca, café, fruticultura e atividades de piscicultura (criação de peixes) e pecuária.

“Estamos dando a devida atenção a uma região em que agricultores familiares exercem as mais diversificadas atividades produtivas. Iniciamos um processo de diagnóstico de produção que nos permitirá incentivar ainda mais as culturas aqui praticadas como o cultivo da macaxeira, melancia, café, abacaxi, cupuaçu e muitas outras, além das atividades que vão desde a criação de bovinos, suínos e caprinos, até a piscicultura”, disse Chíxaro.

FOTO/DESTAQUE: Arquivo/Idam

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email