Seguro é o segmento da economia que mais crescerá neste século

Essa a previsão e expectativa dos altos dirigentes de companhias de seguros. Um deles, o presidente da Bradesco Seguros e Previdência, Luiz Carlos Trabuco Cappi. Ele não tem dúvida de que o seguro será a indústria que mais crescerá no século 21, pois “somos os únicos capazes de cobrir adequadamente todos os riscos que se apresentam nos dias de hoje”.
Na avaliação do presidente da Bradesco Seguros o importante, agora, é olhar para o futuro, e parodiando o apostolo Paulo, acrescentou, “tenho certeza que, mais adiante, quando olharmos para o momento atual, veremos que lutamos o bom combate e honramos o mercado”.

Justiça de Minas indefere ação dos sindicatos dos motociclistas contra o aumento do DPVAT 
Justiça de Minas Gerais indeferiu a ação civil pública interposta pela Associação de Motociclistas Trabalhadores do estado, que questiona a legitimidade do reajuste do preço do seguro Dpvat. A sentença aponta dados da União que mostram uma elevação de 359% no número de acidentes entre 2003 e 2008. Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), nesse período, a frota de motocicletas em todo o país passou de cerca de cinco milhões para 9,5 milhões, um salto de 90,5%.
Mesmo assim, outra ação civil foi ajuizada em São Paulo pelo Sindmoto-SP (Sindicato dos Motociclistas), que alega ser a majoração do preço do seguro Dpvat, desproporcional. Para o sindicato, o aumento é injustificável, já que, apesar do aumento do número de acidentes, a frota de motos também aumentou.
O preço do Dpvat foi reajustado em 38% pela Susep, no final do ano passado. O valor atual é de R$ 254,16. Já o valor da indenização por morte foi estabelecido em R$ 13,5 mil.
Dados da recém-criada Seguradora Líder revelam que, em 2003, 45,7 mil indenizações relativas a acidentes com motos foram pagas. No ano passado, essa soma deu um salto para 134,4 mil registros.

Captação da previdência privada cresce 22,73% em 2007
O mercado de previdência complementar registrou em 2007 o seu melhor ano. Alcançou a marca de R$ 28,096 bilhões em captações, montante 22,73% superior quando comparado ao ano de 2006 (R$ 22,891 bilhões). O nível de reservas técnicas (saldo dos recursos dos planos) chegou a R$ 121,179 bilhões em 2007, o que representa um crescimento de 25,37% em relação a 2006, quando o indicador totalizou R$ 96,656 bilhões.
As informações fazem parte de relatório realizado pela Fenaprevi (Federação Nacional da Previdência Privada e Vida), instituição que sucedeu a Anapp (Associação Nacional da Previdência Privada).

Ranking
Quanto ao ranking das empresas, a Bradesco Vida e Previdência prossegue na liderança de captação em 2007, com 37,91% de participação no mercado, seguida pelo Itaú (18,01%) e Brasilprev (11,57%). Unibanco (6,51%) e Caixa (5,81%) com a quarta e quinta colocação. Na seqüência, vêm HSBC (4,44%), Real Tókio Marine (4,25%), Santander (4,20%), Safra Seguros (1,62%) e Icatu Harford (1%). As demais seguradoras responderam juntas por 4,69% da captação.

Seguro para crédito cresce 41% em 2007
As vendas financiadas de eletrodomésticos/eletroeletrônicos vêm se transformando no primeiro contato da população de baixa renda com o mercado de seguro, pois além da garantia estendida, o seguro, chamado de prestamista, acompanha o crescimento do mercado e alcançou esse ano de 2007, mais de 41%.
Espera-se que no ano de 2008 esse mercado continue a se expandir, pois, apesar da expressivo crescimento, apenas 22% das vendas financiadas têm o seguro. Em 2007 esse mercado de seguro movimentou R$ 2 bi em prêmios.

As seguradoras
A Mapfre, uma seguradora espanhola, tem 30% deste mercado e R$ 300 milhões dos prêmios pagos em 2007. O que corresponde a 10 milhões de clientes. A Bradesco Vida e Previdência, acrescentou 4 milhões de novos clientes em 2007 graças ao seguro prestamista. Ao todo, a Bradesco tem 16 milhões de clientes, dos quais metade está no prestamista.
O valor dos prêmios apurados em 2007 alcançou R$ 80

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email