Sebrae do Amazonas inicia treinamento dos usuários do Banco da Gente

O Sebrae no Amazonas iniciou, na última quinta-feira, 8, a capacitação de 70 empreendedores, todos tomadores de empréstimo no Banco da Gente, a instituição financeira municipal criada recentemente pela prefeitura de Manaus para oferecer empréstimo a juros baixo. Por meio de um convênio, o Sebrae se compromete junto ao governo municipal para preparar gratuitamente os empreendedores que vão fazer uso do financiamento.
“O Sebrae vai ensinar o empreendedor a ter sucesso. Nós, da prefeitura, oferecemos o financiamento, mas é preciso saber administrar o recurso e é neste caso que o Sebrae torna-se um parceiro fundamental do Banco da Gente”, disse o secretário municipal de Projetos Especiais e Gestão Tecnológica, Sidney Leite. A secretaria é o órgão responsável pela administração dos contratos de financiamento do Banco da Gente.
Sidney Leite, juntamente com diretores e técnicos do Sebrae/AM, participou da abertura do primeiro curso ministrado pelo Sebrae aos tomadores de empréstimo do Banco da Gente. “Para nós, do Sebrae, é muito gratificante saber que o poder público acredita no potencial das micro e pequenas empresas e dos empreendedores locais. Com este curso, estamos oferecendo a oportunidade para os empreendedores ampliarem e melhorarem sua atuação no mercado”, complementou o diretor-técnico do Sebrae/AM, Maurício Aucar Seffair.
A gerente de Capacitação Empresarial do Sebrae/AM, Maria José Alves da Silva, revela que o curso oferecido ao empreendedores chama-se Orientação ao Crédito, é gratuito e tem carga horária de 12 horas. O conteúdo do curso inclui noções básicas e conceitos de atendimento, fluxo financeiro, marketing, estoque, entre outros tópicos.
Para o dono de um mercadinho no bairro Parque das Nações, zona Norte de Manaus, Antônio Pedro Gomes, 43, o treinamento vai permitir que ele melhore seu controle de estoque e tenha melhor acompanhamento de vendas. “Hoje, minhas maiores dificuldades são relacionadas à registro de estoque e controle de vendas. Acredito que, com este curso do Sebrae, posso superar essas dificuldades”, conta. O empreendedor disse que fez um empréstimo no Banco da Gente para comprar mais mercadorias e montar um sistema informatizado de controle de estoque.
O Banco da Gente iniciou suas atividades no mês de setembro, com um capital de R$ 15 milhões.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email