1 de março de 2021

Saúde física e equilíbrio psíquico…

A vertigem da posse avassala a maioria dos indivíduos da Terra. Homens e mulheres perdem a paz e, muitas vezes, a dignidade, na busca de riquezas. Multiplicam suas atividades, para muito além do necessário, a fim de possuir muitas coisas. Com tal proceder, deixam de prestar atenção em questões graves da existência humana.

Para ter mais e mais, abdicam do convívio com amigos e familiares e se deixam tomar pelo egoísmo. A vida simples constitui uma condição da felicidade relativa que o planeta pode oferecer. Contudo, ela foi esquecida por grande parte dos seres humanos. A espiritualidade informa que a maioria dos pensamentos emitidos pelos habitantes da Terra, não alçam os planos superiores. Eles não conseguem avançar além de seu acanhado âmbito de origem.

Isso porque o indivíduo incoerente costuma andar ansioso pelo mais nas possibilidades transitórias. Geralmente, permanece absorvido pelos interesses perecíveis. Insaciado, inquieto, vive sob o tormento angustioso de desmedida ambição. Na corrida louca para o imediatismo, esquece a oportunidade que lhe pertence. Olvida que renasceu para se pacificar e tornar virtuoso, e não para amontoar coisas que deixará ao morrer.

Com isso, atira-se em aventuras de consequências imprevisíveis, em face de seu futuro infinito. Quem já entende a finalidade superior da existência terrena, precisa se esforçar para sair desse círculo vicioso. De nada adianta gastar todas as energias em questões transitórias, com esquecimento do objetivo essencial da vida humana.

Cedo ou tarde, a morte de forma simples e clara revela a cada um o que é de fato importante. Há cento e onze anos, o Racionalismo Cristão iluminou-se ao apresentar à humanidade os verdadeiros valores da vida terrena. Ensinando-nos a conquista de uma moral adequada que nos garanta, ao mesmo tempo, saúde física e equilíbrio psíquico. Assegurando-nos que sem o lubrificante do esclarecimento espiritual, a máquina da vida não funciona.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email