19 de abril de 2021

A Samsung Electronics apresentou, na semana passada, em evento internacional, novos produtos com soluções flexíveis, conectadas de forma inteligente com uso de Inteligência Artificial para maior integração de eletrodomésticos com a casa. Com o tema “Better Normal for All” (Um normal melhor para todos), a empresa lançou sua linha de produtos conectados, com um esforço de aprimorar a experiência de tecnologia doméstica. 

“Nosso mundo parece diferente, e muitos de vocês se depararam com uma nova realidade – onde sua casa ganhou um significado maior”, disse Sebastian Seung, Chefe da Samsung Research da Samsung Electronics.

Com o uso de IA e robótica, a empresa apresentou inovações com soluções práticas do cotidiano doméstico, como máquinas de lavar que otimizam o uso de água, detergentes e ciclos de lavagem e TVs que podem atualizar o conteúdo HD para uma resolução de 8K.

A solução SmartThings Cooking oferece um planejador de refeições automático, faz listas de compras com os ingredientes ideais e se conecta a varejistas para compras diretas, diretamente da geladeira ou do smartphone. 

Na linha IA e robótica, a empresa anunciou um novo aspirador de pó que usa tecnologia de reconhecimento de objetos para classificar objetos e decidir o melhor caminho de limpeza. Além de uma câmera integrada ao aplicativo da Samsung SmartThings, permitindo o monitoramento de animais domésticos. O Jetbot90 AI+ vai estar disponível nos Estados Unidos no primeiro semestre de 2021.

Durante a conferência, a Samsung também anunciou que está desenvolvendo os novos robôs com IA da linha Samsung Bot, voltados para auxiliar a vida doméstica.

Apple patenteia celular dobrável capaz de aprimorar fotos

Com isso, a gigante americana entra na briga dos dobráveis

Nesta semana, mais uma patente de celular dobrável da Apple passou pelo Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos. O documento se refere a um aparelho flexível com um sistema de câmeras capaz de aprimorar a captura de fotos panorâmicas e também gerar imagens tridimensionais de objetos de melhor qualidade.

Para isso, o conjunto fotográfico do smartphone poderia trazer diversos sensores localizados em diferentes ângulos, explica a patente. Por exemplo, o usuário teria a possibilidade de “orientar” para onde as câmeras seriam apontadas de acordo com a flexibilidade do aparelho, assim elas capturariam uma área maior ou simplesmente tirariam várias fotos do mesmo objeto para fazer imagens 3D.

É interessante ver que a Apple vem apresentando ideias de como usar as câmeras do celular da melhor forma, mas a verdade é que fotos panorâmicas não são prioridade para muitas pessoas. O último smartphone que facilitou a operação do modo panorâmico foi o Zenfone 7 com sua câmera giratória —nesse caso, o usuário só precisa posicionar o celular e o mecanismo faz todo trabalho.

Como se trata de uma patente, não há qualquer garantia de que a Apple lançará um iPhone dobrável com foco em aprimorar a qualidade das fotos, mas essa pode ser mais uma evidência.

Koda: conheça o cão robô que ‘sente’ emoções humanas

O melhor amigo do homem acaba de ganhar seu maior adversário: uma versão robótica. O Koda, cão robô dotado de inteligência artificial criado pela empresa de mesmo nome, pode interagir socialmente com seus donos, “sentindo” emoções humanas como tristeza e felicidade, e reagir de forma condizente.

De acordo com a empresa, o Koda difere de outros robôs do tipo por ter sido desenvolvido para ser “funcional de perspectivas pragmáticas e emocionais”.

“O Koda é um robô social. É por isso, entre outros motivos, que demos a ele uma cabeça. Quando um Koda vira a orelha para ouvir a voz de seu dono e corre para ficar perto, o consumidor vai saber que ele ouviu e o entendeu”, explicou a companhia.

Graças à sua “infraestrutura de inteligência artificial descentralizada em blockchain“, o robô é capaz de atuar como um animal de companhia, um cão-guia ou de guarda. A IA descentralizada, também conhecida como IA distribuída, é uma área da tecnologia que foca no desenvolvimento de soluções distribuídas para problemas.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email