Saiba como gerar um hábito saudável

Não é incomum encontrar pessoas que desistiram da academia no primeiro mês,  de introduzir na sua alimentação o consumo de saladas e frutas  ou que não conseguiram manter uma leitura diária por muito tempo. Isso acontece porque elas encontram dificuldades em criar hábitos. Em contrapartida, existem aqueles que mantêm os mesmos hábitos por muitos anos, em seu dia a dia, e conquistam coisas que outros não conseguem. Quem sabe como criar um hábito pode aprender a consumir água durante o dia,  ter uma alimentação saudável, praticar esportes, entre tantas outras atividades almejadas.

Diante dessas afirmações, você deve estar se perguntando: “como criar um hábito?”. 

A palavra-chave para quem deseja estabelecer um hábito é esforço. Você precisa fazer com que seu corpo e seu ritmo de vida se adaptem à nova rotina. Afinal, trata-se de algo que antes era desconhecido. Além de esforço, para criar hábitos, também é necessário ter consistência e perseverança, características que vão lhe impedir de desistir. Ao conseguir incorporar um comportamento em nossa rotina, é mais fácil executá-lo naturalmente, tornando-o parte de nosso dia a dia.

Segundo James Clear, autor do livro Transforme seus hábitos,  precisamos focar em três passos.

ALERTA (o gatilho que inicia o comportamento)

ROTINA (o próprio comportamento; a ação que você realiza)

RESULTADO (o benefício que você ganha ao praticar o comportamento)

Vejamos abaixo como implementar esses três passos no nosso dia a dia.

Alerta

 Os alertas não precisam ser um alarme acionado no celular, um evento no calendário ou algo deste tipo. É possível criar alertas usando ações que já executamos diariamente para nos lembrar de que precisamos fazer algo novo. Exemplo: para criar o hábito de passar o fio dental todos os dias, basta associá-lo à rotina de escovar os dentes, fazendo logo depois da escovação: como o hábito de escovar os dentes é corriqueiro, ele serve de alerta para acionar o novo hábito.

Para escolher um alerta, recomenda- se que se faça uma lista das ações corriqueiras, como acordar, tomar banho, tomar café da manhã, calçar os sapatos, fazer as compras do supermercado entre outras coisas que acontecem todos os dias. Com isso, é possível selecionar o momento mais propício para inserir um novo hábito: como meditar por cinco minutos todos os dias depois de beber a primeira xícara de café,  ou tomar um copo de água após escovar os dentes ao acordar, por exemplo.

 Rotina

As grandes metas que colocamos para a vida nem sempre estão baseadas em nosso hábitos diários. Correr uma meia maratona para quem não sobe três lances de escada seguidos, ter uma alimentação equilibrada se não come frutas e legumes, planejar a viagem de volta ao mundo, mas sem economizar dinheiro…

Poderia pensar que isso é impossível, mas na verdade, tudo é possível, desde que cada passo para chegar aos seus objetivos sejam incorporados à rotina. E o segredo é: escolher hábitos que sejam incrivelmente fáceis, a ponto de você simplesmente não conseguir dizer não.

Comece com hábitos muito simples (se não consome água durante seu dia,  adote  uma garrafa  para lembrá-lo de beber água toda vez que olhar para ela) e quando o hábito for completamente incorporado à rotina, aumente sua dificuldade aos poucos e construindo novos hábitos a sua rotina.

Recompensa

É importante recompensar o cérebro sempre que um passo rumo às metas for alcançado. Um treino completo da academia, uma refeição totalmente saudável, economia nas contas, tudo merece um elogio, uma celebração.

Dê algum crédito a você mesmo e saboreie cada conquista!

Depois disso tudo, é só recomeçar o ciclo, aumentando aos poucos o desafio. Bom começo e bons novos hábitos!

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email