11 de abril de 2021

Retomada da alíquota do IPI acelera vendas

https://www.jcam.com.br/ppart03102009.jpg
As vendas de veículos bateram recorde em setembro, com o emplacamento de 308,8 mil unidades, segundo a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores)

As vendas de veículos bateram recorde em setembro, com o emplacamento de 308,8 mil unidades, segundo a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores). Esse desempenho, impulsionado pela corrida dos consumidores às concessionárias para aproveitar o último mês antes da elevação gradual do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), representa um crescimento de 19,6% no comparativo com agosto.
A partir de 1º de outubro, o tributo reduzido em dezembro do ano passado para automóveis volta a subir gradativamente, até chegar à alíquota original em janeiro.
No confronto com o mesmo mês do ano passado, também houve acréscimo (14,9%) nos licenciamentos. Já no acumulado do ano (2,3 milhões de unidades), a expansão nas vendas foi de 4,2%. O número engloba automóveis, comerciais leves, ônibus e caminhões.
O ranking de montadoras tem a Volkswagen na liderança, com 23,6% dos veículos licenciados entre janeiro e setembro no país, seguida da Fiat (23,5%) e da GM (19,1%).
Até então, junho tinha a marca de melhor mês, com o licenciamento de 300,2 mil unidades, por causa da antecipação de compras para aproveitar o benefício fiscal antes de o governo anunciar que o estímulo seria prorrogado.
A projeção da Anfavea é de crescimento de 6,4% nos emplacamentos neste ano ante 2008, que já havia registrado recorde em vendas.

Confiança

O setor de material de transporte, que engloba montadoras e autopeças, é o que tem a melhor expectativa sobre a produção para o trimestre (setembro, outubro e novembro) no comparativo com os três meses imediatamente anteriores, segundo pesquisa da FGV (Fundação Getulio Vargas) divulgada nesta semana.
Essa cadeia também lidera o otimismo na análise do ICI (Índice de Confiança da Índustria) e já está em um patamar mais elevado até do que a média histórica, considerando o período desde o Plano Real.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email