Recuperações da Covid-19 aumentam no Amazonas

O Estado registrou 76.321 pessoas que se recuperaram da covid-19, segundo balanço da FVS-AM  (Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas). Os números representam os casos contabilizados até esse domingo (19).

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil teve 2.098.389 infectados pelo novo coronavírus e 79.448 mortes até essa data. Só o Amazonas responde por 90.993 das ocorrências da doença  – 32.227 são de Manaus (35,45%) e 58.686 (64,55%) do interior do Estado. Os óbitos totalizaram 3.149 no final de semana na região.

Até agora, 61 dos 62 municípios do Amazonas têm casos confirmados de covid-19.  Em Manaus, 1.963 pessoas morreram e 57 cidades do interior confirmaram mortes, que chegam a um total de 1.186  casos.

“Não se iludam. O número de mortes e de casos da doença caiu consideravelmente no Amazonas, mas o vírus continua circulando. Portanto, é importante manter o uso de máscara, de álcool em gel e lançar mão de outros cuidados básicos de higiene contra a covid-19. Protejam-se, pois só assim conseguiremos reduzir ainda mais as ocorrências”, afirma a diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto.

De acordo com o Ministério da Saúde, nas últimas 24 horas foram registrados 23.529 novos casos de Covid-19 e 716 mortes em todo o país. E outras 647.672 pessoas estão em acompanhamento. No Amazonas, 105 pacientes com suspeita da doença continuam internados aguardando a confirmação do diagnóstico –73 estão leitos clínicos (34 na rede privada e 39 na rede pública) e 32 estão em UTI (17 na rede privada e 15 na rede pública).

Segundo o Ministério da Saúde, a taxa de letalidade (número de mortes pelo total de casos) ficou em 3,8%. A mortalidade (quantidade de óbitos por 100 mil habitantes) atingiu 37,8. E a incidência dos casos por 100 mil habitantes é de 957,5.

A FVS-AM acompanha outros 43 óbitos por SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) – 38 estão em investigação epidemiológica e cinco aguardam resultado laboratorial para diagnósticos. Segundo a fundação, foram descartados 498 casos suspeitos do novo coronavírus.

O presidente do CRM-AM (Conselho Regional de Medicina do Estado Amazonas), José Bernardes Sobrinho, ressalta também a importância da manutenção do uso de máscara e de outras medidas preventivas de higiene para frear o avanço da covid-19, principalmente nos municípios do interior do Estado.

“As pessoas estão levando a doença para o interior. Por isso, os municípios vêm registrando um maior número de casos e mortes em relação à capital. Foi necessária a reabertura das atividades econômicas, mas a população não deve esquecer que o uso de máscara é importante para prevenir uma possível nova onda da epidemia”, alerta o médico. “A fiscalização da saída e entrada de embarcações deve ser rígida e mais reforçada”, acrescenta.

O Ministério da Saúde aponta que a região Sudeste tem o maior número de casos acumulados da doença desde o início da pandemia, com 717.154 ocorrências e 36.050 mortes. O Nordeste aparece em segundo com 700.683 infectados e 25.395 óbitos.

Em seguida, vêm as regiões Norte (351.754 casos e 11.048 mortes), Centro-Oeste (173.720 casos e 3.731 óbitos) e Sul (155.078 casos e 3.264 mortes).

São Paulo é o Estado mais atingido pelo novo coronavírus –já acumula 415.049 casos da doença, que resultaram em 19.732 mortes. Os Estados que mais registraram casos confirmados de covid-19 são Ceará (146.972), Rio de Janeiro (138.524), Pará (137.484) e Bahia (122.160).

E o Rio de Janeiro é o segundo Estado que mais registrou número de mortes (12.144) e o Ceará ficou em terceiro, com 7.178 óbitos.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email