Queda de cabelo também é um problema da mulher

Alimentação irregular, má qualidade do sono, trabalho em excesso, níveis altos de estresse, baixa imunidade, poluição ambiental

Alimentação irregular, má qualidade do sono, trabalho em excesso, níveis altos de estresse, baixa imunidade, poluição ambiental. Se isso faz parte do seu dia a dia, cuide-se! Pois há chances, e muitas, de você ter queda de cabelos.
Existem tratamentos, mas, cada caso é um caso. Há produtos disponíveis no mercado e receitas manipuladas seguindo prescrição médica. “Um bom tratamento para queda capilar tem que ser composto de um shampoo, uma loção e prescrição para uso por via oral. Claro que a gravidade e o tipo de perda é o que pautará o tratamento”, diz o dermatologista Aroldo Carvalho.

Calvície feminina

Quando os fios que caem não são “repostos”, a possibilidade de calvície é grande – problema comum em homens, mas não raro em mulheres. Como a calvície ocorre em função da ação hormonal nas células do couro cabeludo, as mulheres estão cada vez mais expostas ao problema. “Mais, digamos, sensíveis aos efeitos externos e internos, as mulheres sofrem quando os níveis hormonais são comprometidos”, observa. “Outro fator externo, que muito contribui, é o excesso de produtos químicos no cabelo, muitas chegam a ‘mexer’ no cabelo, pelo menos uma vez por mês”, atesta. “Parece pouco, mas, é muita carga sobre o cabelo”, declara.
Para completar o tratamento externo, suplementos nutricionais para uso oral podem ser receitados. A opção pelo método e o medicamento depende do tipo de diagnóstico e da gravidade. “Entre os métodos podemos empregar laser de baixa potência, carboxiterapia, terapia com microagulhas, intradermoterapia. Mas, casos em que o tratamento clínico e os procedimentos não fazem o efeito desejado, o tratamento cirúrgico com transplante de cabelos pode ser aplicado”, finalizou.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email