1 de março de 2021

Muitos dos erros cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), pelo governador Wilson Lima (PSC) e pelo recém-empossado prefeito de Manaus, David Almeida (Avante) se devem nem tanto pela própria experiência deles, mas pelo fato de terem optado por colocar na gestão da Saúde pessoas igualmente inexperientes, que estão aprendendo a consertar a aeronave em pleno vôo. A crise do oxigênio em Manaus é a maior prova disso. As autoridades sabiam que ela ocorreria desde a primeira semana de janeiro, mas não souberam dimensionar a gravidade disso. Por isso, adiaram decisões importantes, como mobilizar um grande aparato de transferência de cilindros para a capital amazonense. Acabaram sendo colhidos por uma corrente de solidariedade, que expôs ainda mais as deficiências gerenciais. O cantor Gustavo Lima, por exemplo, deu uma aula ao mobilizar o produto em grande quantidade e encaixar em um vôo comercial. Até a combalida Venezuela mobilizou quantidade expressiva do gás em pouco tempo. Nessa hora a experiência pesa.

TRAGÉDIA

A crise relacionada a falta de oxigênio atingiu o município de Coari. A Prefeitura atacou a Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas depois que sete pacientes internados no Hospital Regional tiveram suas vidas interrompidas por falta de oxigênio. Desde a semana passada, em torno de 200 cilindros daquela unidade ficaram retidos pelo patrimônio do órgão estadual, a maioria aguardando abastecimento, enquanto a outra parte foi distribuída para as Unidades Básicas de Saúde da capital. 

DECISÃO

juiz
Divulgação

Em decisão na tarde desta terça-feira, 19, a 1ª Vara da Comarca de Coari obrigou o Governo do Amazonas a liberar, devidamente reabastecidos, os 155 cilindros de oxigênio que a Prefeitura de Coari havia encaminhado e proceder com o reabastecimento dos cilindros que forem enviados posteriormente; assim como obrigando a empresa White Martins a fornecer o gás oxigênio ao município, sob pena de multa diária de R$ 100 mil em caso de descumprimento. 

USINAS

O Governo do Amazonas recebe, hoje, cinco usinas independentes para a produção de oxigênio líquido, doadas pelo Hospital Sírio Libanês, de São Paulo. O material será utilizado no suporte assistencial, em unidades de saúde do interior, como parte das ações de enfrentamento da pandemia da Covid-19.

MUITA GRANA

Os 61 municípios do interior do Amazonas receberam, entre recursos dos governos do Estado e Federal, R$ 346.017.747,65 para ações de enfrentamento da Covid-19 em 2020. O governo estadual repassou às prefeituras R$ 76.486.187,44, do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Estado do Amazonas, além de investir na estruturação de leitos, medicamentos, insumos e recursos humanos para a rede de saúde do interior.

PLANOS

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Consumidor, alerta que todo contratante de plano de saúde em hospital privado deve ser atendido, mesmo com a lotação das unidades de saúde por conta da pandemia do novo coronavírus. A orientação se dá por conta da decisão judicial publicada nesse domingo (17), pelo Tribunal de Justiça do Amazonas, a partir de ação movida pelo Ministério Público do Amazonas, que suspende o cancelamento de internações e atendimentos de emergências pela rede privada de saúde

APREENSÃO

cilindros
Erlon Rodrigues/PC-AM

A Polícia Militar do Amazonas apreendeu, na terça-feira (19), às 3h26 da madrugada, 44 cilindros de oxigênio que estavam sendo armazenados clandestinamente em uma residência na avenida das Oliveiras, no bairro Novo Israel, zona norte. Os procedimentos cabíveis estão sob responsabilidade da Polícia Civil do Amazonas, por meio do 6° Distrito Integrado de Polícia.

FUSÃO

O Ministério Público Federal promoverá a audiência pública “Fusão entre ICMBio e Ibama: impactos sobre a Amazônia”, no dia 1º de fevereiro, com início previsto para as 9h (horário de Brasília), por meio da plataforma virtual Cisco Webex Meetings e com transmissão ao vivo pelo canal do MPF no Amazonas no YouTube. As inscrições para os debates serão realizadas até às 18h do dia 29 de janeiro, por meio eletrônico. Os interessados deverão enviar e-mail para [email protected], com o assunto “Audiência Pública Fusão IBAMA e ICMBio – Painel X”

ESTREIA

E ex-primeira dama do Estado, Nejmi Aziz (PSD), estreou ontem como deputada estadual, em sua primeira sessão, mesmo que virtual, na Assembleia Legislativa. Fez um discurso breve, dizendo que colocará o seu mandato a serviço da população.

FRASES

“Foi um grande erro.” Ricardo Nicolau (PSD), deputado estadual, sobre o fechamento do Hospital de Campanha da Prefeitura de Manaus

“Não fale em tratamento precoce. Não existe comprovação científica.” Serafim Corrêa (PSB), deputado estadual, que está saindo do tratamento contra a Covid-19, a um colega que falava no assunto

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email