Professores e alunos da UEA contra o coronavírus

Em todos os tempos, e onde surgiram, foi das cabeças pensantes de professores e alunos de Universidades que novos conhecimentos vieram à tona e descobertas científicas passaram a beneficiar a humanidade. Não está sendo diferente na UEA (Universidade do Estado do Amazonas) onde, desde a chegada do coronavírus ao Amazonas, uma equipe de abnegados profissionais passou a se empenhar no desenvolvimento de equipamentos e aparelhos para ajudar na proteção e combate à covid-19.

Professores e alunos trabalham a passos largos para produzir EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) para serem usados por médicos, enfermeiros e funcionários nas unidades de saúde do Estado, e ventiladores para respiração, que deverão ser utilizados em pacientes em UTIs (Unidades de Tratamento Intensivo).

“A iniciativa surgiu depois de termos uma reunião com o Governo do Amazonas onde estavam presentes outros reitores de universidades públicas e privadas do Estado”, contou Cleinaldo Costa, reitor da UEA.

A partir de então, professores, alunos, técnicos, anestesiologistas, intensivistas e gestores da UEA se mobilizaram na busca de produzir os equipamentos e aparelhos com necessidades mais urgentes, os EPIs e os ventiladores.

“A UEA está produzindo o kit composto de protetor facial, avental em TNT (100% polietileno) impermeável, capuz e par de propés perneiras, protetores impermeáveis que vão até a altura dos joelhos. O material está sendo fabricado em impressoras 3D nos laboratórios da EST/UEA (Escola Superior de Tecnologia) e, por meio de terceirização. A matéria prima vem de doações de entidades públicas e privadas”, informou.

Time de 60 pessoas

Os kits estão em fase de produção para posteriormente serem entregues, ainda sem data definida.

“O objetivo é produzir, inicialmente, 16 mil aventais, capuzes e pares de propés caneleiras, em torno de mil unidades por dia, mais o protetor facial. Feito isso, pretendemos suprir, as equipes de saúde da capital e do interior, dentro do que for possível”, revelou.

Na quinta-feira, 26, Cleinaldo Costa anunciou que, além dos EPIs, a UEA estava finalizado o protótipo de um ventilador que terá como utilidade permitir a respiração de pacientes internados em UTIs.

“Todo esse esforço está sendo empreendido por alunos e professores dos cursos de Medicina e Engenharia da ESA/UEA (Escola Superior de Ciências da Saúde) e da EST/UEA. A equipe é formada por diversos professores das áreas de ciências biológicas e exatas, um time de, aproximadamente, 60 pessoas”, contou.

“Agradecemos às instituições parceiras de primeira hora, que são muito importantes na pesquisa e desenvolvimento desses EPIs, entre elas, a Associação Amazonense do Ministério Público, o Ministério do Trabalho do Amazonas e Roraima, e o Hospital da Aeronáutica de Manaus”, disse.

Também na quinta-feira, a UEA iniciou a campanha ‘UEA Saúde Solidária’, para receber doações a fim de ajudar na produção dos EPIs e dos ventiladores.

A doação é realizada via depósito no Banco do Brasil, Agência: 3563-7, Conta Corrente: 30132-9, CNPJ: 26.782.757/0001-78. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: 9 8431-2460 (Felipe Monteiro) e 9 8405-5671(Daniel Abreu).

Na segunda-feira, 30, professores da instituição iniciaram treinamentos por meio do Telessaúde. São aulas intensivas de prevenção, diagnóstico e tratamento da covid-19, direcionadas às equipes de saúde dos municípios do Amazonas.

“A proposta é capacitar 300 médicos do SUS (Sistema Único de Saúde) com treinamentos de intubação de vias aéreas e suporte avançado de vida no Laboratório de Habilidades da ESA/UEA”, adiantou.

“Em 2020 a UEA completa 19 anos e nos orgulhamos de dizer que sua produção é contínua em todas as áreas do conhecimento. Estamos presentes em todos os municípios do Amazonas promovendo a educação, a extensão e a pesquisa, os pilares de nossa Universidade”, concluiu.

Fonte: Evaldo Ferreira

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email