Produção mundial vai recuar 8% com colheita do Brasil

A produção mundial de café deve alcançar as 121,4 milhões de sacas (de 60 kg) no período 2006/2007 e depois recuar cerca de 8% na safra seguinte devido à diminuição das colheitas no Brasil, afirmou a OIC (Organização Internacional do Café).
A OIC revisou suas estimativas para a temporada 2006/ 2007 em seu informe mensal de julho e manteve a projeção para 2007/2008, de 112 milhões de sacas.
A baixa da produção esperada entre 2006/2007 e 2007/ 2008 é atribuída principalmente à queda prevista de 25% da produção brasileira, enfatizou a OIC.
O período de produção vai do início de outubro ao início de outubro do ano seguinte, mas a temporada 2007/2008 já começou no Brasil e em alguns outros países produtores. No período de outubro de 2006 a junho de 2007, as exportações de café avançaram 14,45% em relação ao mesmo período do ano anterior, a 73,56 milhões de sacas contra 64,27 milhões.
Paralelamente, o consumo mundial foi substancial, o que explica a resistência dos preços. As cotações do café alcançaram em meados de junho seus níveis máximos em nove anos em Londres com as preocupações sobre a qualidade medíocre do café robusta proveniente do Vietnã.
“Os preços permanecem firmes, apesar da desaceleração da atividade de torrefação de café no verão e a dissipação das ameaças climáticas”, destacou o diretor da OIC, Néstor Osorio, explicando que esta firmeza obedece “ao consumo substancial e à programação de incentivo realizado em muitos países”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email