7 de maio de 2021

Prioridade na área da saúde mantida no Governo

Eleita como prioridade pelo governador Wilson Lima, a área da saúde já recebeu mais de R$ 5 bilhões em recursos do Governo do Estado, desde janeiro de 2019 a setembro deste ano, e acumula avanços significativos na capital e interior. Entre os destaques está a ampliação da estrutura da rede de saúde em Manaus, com 57 unidades de média e alta complexidade.

Os investimentos realizados incluem pagamento de servidores, fornecedores e prestadores de serviços da rede estadual de saúde. De janeiro a setembro também já foram repassados mais de R$ 405 milhões aos municípios do interior, por meio de recursos do FTI (Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas, Teto MAC(Média e Alta Complexidade) e Extra MAC voltado para as ações do Covid-19, os dois últimos de origem federal. 

Somente em FTI, o Governo já repassou aos municípios do interior R$ 46,8 milhões para reforçar a estrutura de saúde das cidades, principalmente para o enfrentamento ao Covid-19. Até o final de outubro, serão repassados mais R$ 23 milhões. Este ano, os repasses do FTI para saúde totalizarão R$ 93,6 milhões. Em 2019, foram R$ 89 milhões, que foram usados inclusive para pagar profissionais.

Saúde Amazonas

Em agosto deste ano, o governador Wilson Lima lançou o novo programa de reordenamento da área de saúde no estado, o “Saúde Amazonas”, que tem investimento inicial na ordem de R$ 1,4 bilhão, até 2022.

Uma das prioridades do programa é a redução da fila de espera por exames e consultas na rede estadual, com a ampliação de 65% da oferta de procedimentos nos próximos meses.

Com o “Saúde Amazonas”, serão implantados mais de 180 projetos de modernização da Secretaria de Estado da Saúde, que passa a ter a nomenclatura SES-AM e nova estrutura organizacional. Entre outras metas estão a ampliação de leitos, fortalecimento da transparência e controle e valorização dos servidores, melhorando a prestação dos serviços à população.

Novos equipamentos

Ao longo dos últimos meses, a SES-AM adquiriu 40 perfuradores ósseos que vão permitir o aumento no quantitativo de cirurgias ortopédicas ofertadas pela rede de urgência e emergência do Estado. A previsão é que os equipamentos sejam distribuídos já no mês de outubro aos hospitais e prontos-socorros adultos e infantis da capital que realizam esse tipo de procedimento. 

A Secretaria de Estado de Saúde também iniciou a distribuição de 12 novos aparelhos de anestesia para a rede estadual de saúde e que vão substituir equipamentos alugados, auxiliando na abertura de salas de cirurgias.

Foram adquiridos, ainda, quatro aparelhos de tomografia, que serão distribuídos entre os principais Hospitais e Prontos-Socorros da capital, renovando parte do parque de imagens das unidades que estão obsoletos.

A SES-AM também iniciou o processo para aquisição de mais de 150 aparelhos médicos, que vão equipar as unidades de saúde da capital e interior do Estado, estão em processo para compra ultrassom com doppler colorido, ressonância magnética, tomógrafo, sonares fetais, aparelhos de raio-x digital, carrinhos de anestesia, foco cirúrgico, bisturis elétricos, entre outros.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email