Presidente Lula defende alianças em São Paulo e sinaliza apoio a Ciro Gomes

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu a realização de alianças para vencer a disputa para o governo de São Paulo nas eleições de 2010.
A posição do presidente Luiz Inácio sinaliza um possível apoio à candidatura do deputado Ciro Gomes (PSB-CE).
Quando questionado se iria se encontrar com membros do PT nesta semana para discutir o nome candidato para as eleições do ano que vem, o presidente desconversou, mas fez questão de deixar clara sua posição.
“O PT já aprendeu. Tem 29 anos de história. Sabe perfeitamente que tem que fazer política de aliança para vencer as eleições”, disse.
Apesar de Ciro negar a pretensão de disputar o governo de São Paulo, seu nome vem sendo cada vez mais citado como uma possibilidade de alternativa ao PT. O partido abriria mão de candidato próprio no Estado e centralizaria suas forças na candidatura nacional.
O presidente defende que o partido só deva ter a cabeça da chapa nos Estados que já governa. “As pessoas sabem o que eu penso. O PT tem que ter uma ação de responsabilidade. Saber qual a força que tem em cada Estado, qual a perspectiva de fazer ou não aliança política”, disse.
O PT está em dificuldades para emplacar um nome para candidatura própria. O prefeito de Osasco, Emídio de Souza, defendido por uma ala do partido, sofre resistência por ser pouco conhecido na capital.
Amanhã à noite, Lula se reúne, em Brasília, com líderes do PT de São Paulo para discutir a candidatura do partido ao governo do Estado.
Devem participar do encontro os líderes da bancada na Assembleia Legislativa de São Paulo e na Câmara Federal, além de dirigentes da Executiva Estadual.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email