Presidente do JPMorgan pode substituir Geithner no Tesouro

Enquanto o apoio ao secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Timothy Geithner, cai em meio à frustração com a política econômica da administração Obama, o presidente-executivo do JPMorgan Jamie Dimon emerge como potencial substituto a ele, afirma reportagem do “New York Post” desta segunda-feira.
Segundo o jornal norte-americano, fontes afirmam que diversos parlamentares começaram a mencionar Dimon como sucessor de Geithner, cuja popularidade em Washington tem sofrido com a alta taxa de desemprego, o dólar fraco, o ritmo lento da recuperação e o alto deficit orçamentário do governo.
Na semana passada, Geithner enfrentou, em audiência no Comitê Econômico do Congresso, ferozes críticas sobre seu papel no resgate da seguradora AIG em 2008, quando era presidente do Federal Reserve de Nova York.

Status de rock star

Dimon, diz a reportagem, enquanto isso, “atingiu status de rock star durante a crise financeira, tendo liderado o JPMorgan através da recessão e ajudando quando o país precisou da ajuda de Wall Street durante os colapsos do Bear Stearns e do Washington Mutual.”
Além disso, em meio à polêmica do pagamento de bônus em bancos, ele faz questão de deixar claro que não fará cheques gordos para atrair ou segurar talentos.
De acordo com o “Post”, pessoas próximos a Dimon afirmam que ele “adoraria servir seu país”.
Além disso, nas últimas semanas o executivo tem aparecido mais em Washington, fazendo visitas frequentes a autoridades.
O jornal afirma, porém, que apesar de o momento ser o ideal para que Dimon busque o posto no Tesouro, fontes dizem que o presidente do JPMorgan vem tentando conter o entusiasmo de todos com o assunto, e que mantém seu apoio a Geithner, que, para ele, “está fazendo um bom trabalho”.
Ainda segundo a reportagem, o JPMorgan não quis comentar o assunto.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email