17 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

PIM quer aumentar produção em 30%

As linhas de produção de celulares do PIM (Polo Industrial de Manaus) devem fabricar em torno de 36 milhões e aparelhos até dezembro e aumentar o volume de produção em 30%, segundo projeções do Sinaees- Am

As linhas de produção de celulares do PIM (Polo Industrial de Manaus) devem fabricar em torno de 36 milhões e aparelhos até dezembro e aumentar o volume de produção em 30%, segundo projeções do Sinaees- Am (Sindicato da Indústria de Aparelhos Elétricos Eletrônicos e Similares). Dados da Suframa (Superintendência da Zona Franca de Manaus) informam que o polo produziu mais de 6,79 milhões de celulares até maio, alta de 7,44% sobre o mesmo período de 2009 (6,32 milhões).
“Esse aumento pelo consumo de celulares se deve, em boa parte, às datas festivas, como Dia das Mães, Dia dos Pais e Dia das Crianças. Há uma demanda pelos eletrônicos, e entre eles está o celular como opção na hora de presentear”, explicou o presidente do Sinaees, Wilson Périco.
Depois de faturar US$ 570.44 milhões nos cinco primeiros meses do ano, os fabricantes de telefones celulares instalados no PIM correm para capitalizar a aproximação de datas importantes para o comércio, a exemplo do Dia dos Pais e, mais adiante, das festas de fim de ano. A meta é superar a marca de R$ 2 bilhões, alcançada ao final de 2009.
Embora respondam por 1%, em média, das vendas (101.868 unidades até maio) e do faturamento (US$ 6.86 milhões) do setor industrial, conforme dados da Suframa, o varejo local também aposta em resultados positivos para este ano. De acordo com o gerente de compras das lojas Ramsons, Richard Gomes, a comercialização de aparelhos celulares obteve aumento de 10% para a empresa no primeiro semestre, em relação ao mesmo período de 2009. “Grande parte de nossas vendas foram de celulares desbloqueados. As pessoas investem cada vez mais na compra de aparelhos assim”, comentou.
Outra empresa que também constatou alta na demanda por celulares foi o grupo TVLar. Em números, a rede varejista faturou em torno de R$ 7 milhões apenas com a venda dos portáteis no primeiro semestre. Frente às vendas obtidas em igual intervalo de 2009 (R$ 4 milhões), o crescimento da empresa com esse produto foi de 75%. A TVLar atribui o resultado ao mix de produtos oferecidos pelo mercado e ao crescimento no número de revendas de operados, com a abertura de cinco novas lojas em Manaus.
Em nota, as operadoras de celulares Oi, TIM e Claro não revelaram o desempenho de suas vendas em Manaus. A TIM informou apenas que o crescimento de suas vendas de aparelhos se deve ao fortalecimento das revendas do grupo com o comércio local, além de oferecer descontos nos celulares ou na conta do cliente. Já a Claro, destacou o potencial dos smarthphones como o diferencial da operadora na hora do cliente fechar negócio. A assessoria da empresa Oi não se pronunciou sobre o assunto e disse que o foco da empresa é o de serviço e não de vendas, apesar de também comercializar os aparelhos na cidade.

Segundo lugar

Dados da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) indicam que o Brasil encerrou junho com 185 milhões de celulares no mercado. No ranking por estados, o Amazonas está em 18ª posição com quase 3 milhões de aparelhos habilitados. Para efeito de comparação, no mesmo período do ano passado, o Estado não havia superado a marca de 2,5 milhões de celulares. Em relação às demais unidades federativas da região Norte, o Amazonas está em segundo lugar, perdendo apenas para o Pará, que possui mais de 5 milhões de números moveis. Dentre as operadoras escolhidas pelo amazonense, a Vivo é a que registrou 50,1% de aceitação no mercado local.
Na lista dos cinco aparelhos mais comprados em Manaus estão os celulares: Nokia 1661 (preto), Aiko 70W, LG KS240, LG KP109LG (azul) e LG GB190 (preto e vermelho).

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email