PIB chinês expande 11,5% até setembro

O PIB (Produto Interno Bru-to) da China registrou crescimento entre janeiro e setembro de11,5% em relação ao mesmo período do ano passado, informou o Escritório Nacional de Estatísticas da China.

O ritmo de crescimento da maior economia em desenvolvimento do planeta se mantém alto. Houve crescimento de 11,5% no primeiro semestre do ano e de11,1% em 2006.

O PIB entre janeiro e setembro chegou a US$ 2.21 trilhões. O país se aproxima assim da Alemanha, a terceira maior eco­nomia do mundo –atrás de Estados Unidos e Japão.
No terceiro trimestre o crescimento foi também de 11,5%, ligeiramente inferior ao do segundo (11,9%, recorde da década), mas superior ao do primeiro (11,1%). O dado mais destacado foi o da inflação. O indicador disparou e chegou a uma taxa anualizada de 6% em setembro, muito acima do objetivo de 3% previsto pelo Executivo para este ano. Mas ainda é inferior ao recorde de 6,5% de agosto, o pior resultado da última década.

A inflação dos nove primeiros meses do ano foi de 4,1%, com um destacado aumento dos preços da carne (29,1%) e dos ovos (26,2%).

As exportações chinesas chegaram a US$ 878.2 bilhões, com alta de 27,1%, e as importações totalizaram US$ 692.6 bilhões, crescimento de 19,1%. O superávit é de US$ 185.7 bilhões, com um aumento de US$ 75.8 bilhões.

A reserva de divisas chinesa, a maior do mundo, aumentou nesse período 45,1%, até US$ 1.43 trilhão.

A renda per capita nas cidades aumentou 13,2%, até US$ 1,380. Nas famílias rurais, subiu mais (14,8%), mas continua inferior (US$ 443).

A produção industrial se acelerou, com um valor agregado nos nove primeiros meses subindo 18,5%.

Os setores que mais cresceram foram o petroleiro, siderúrgico, construção, químico, têxtil e farmacêutico. Caiu a produção de setores como mineração, equipamentos para comunicações e processamento de produtos agrícolas, entre outros.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email