Perdigão e antiga Avipal anunciam que podem realizar fusão

A Perdigão, segunda maior empresa do setor de carnes de frango e suína do Brasil, e a Eleva Alimentos (antiga Avipal) anunciaram na quinta-feira, 18, que estudam a fusão das operações. “As administrações da Perdigão e da Eleva Alimentos vêm a público informar (…) que se encontra em estudo eventual fusão das operações da Eleva e da Perdigão”, disse o fato relevante enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários). O comunicado é assinado por Nildemar Secches, presidente da Perdigão, e Shan Bam Chun, presidente do conselho de administração da Eleva.
Segundo a nota, “serão informados ao mercado e aos seus respectivos acionistas a estrutura societária e a operacional a ser implementada pelas partes, bem como os demais termos e condições da operação, tão logo tenham sido definidos”.

A eventual fusão entre as duas empresas criaria uma empresa com uma receita líquida combinada de R$ 7,1 bilhões, levando-se em conta os números do ano passado. Seria maior que a Sadia, que teve no ano passado uma receita líquida de R$ 6,8 bilhões.

No primeiro semestre deste ano, a Eleva registrou uma receita líquida de pouco mais de R$ 1 bilhão, um crescimento de 15,9% na comparação com o mesmo período do ano passado. O lucro líquido da empresa ficou em R$ 40,6 milhões, ­revertendo o prejuízo de R$ 68,5 milhões regis­trado no primeiro semestre de 2006.
Já a Perdigão teve uma receita líquida de R$ 3,05 bilhões no primeiro ­semestre, um crescimento de 35,3% na comparação com o mesmo período de 2006, enquanto o lucro bruto foi de R$ 822,3 ­milhões, um crescimento de 64,1%.

A Eleva, que comercializa carne de frango e suína, também é dona de marcas importantes de leite, como a Elegê, entre outros produtos lácteos.

A empresa foi fundada em 1959, no Rio Grande do Sul. De acordo com informações do site da empresa, ela emprega hoje mais de 9.000 ­funcionários diretos e possui uma rede de quase 20 mil pro­dutores de leite e 2,5 mil integrados de frango e suínos.

Ações das marcas

Hoje, as ações da Perdigão recuaram 2,9%, fechando a R$ 45,59 na Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo), enquanto as da Eleva avançaram 2 14%, fechando a R$ 19,10. O índice Bovespa teve alta de 0,11%.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email