21 de abril de 2021

Dizem que cada visita a Patagônia, na Argentina, é diferente da anterior. O turista mais atento pode até sentir que ela “não para se se mexer”, por conta da movimentação dos famosos montes glaciais, entre eles o mais conhecido Perito Moreno de El Calafate, e dos rios de águas congelantes que têm seus cursos desviados pelos fenômenos naturais. Isso sem falar na constante mudança de cores dos seus bosques, que dependendo da estação do ano variam do verde ao branco. A fauna da Patagônia também é um espetáculo a parte: baleias, leões marinhos e pinguins aparecem regularmente, especialmente no período de reprodução.

Por tudo isso, costuma-se dizer que a Patagônia Argentina atende a todos os gostos e estilos. Os inúmeros espetáculos naturais encantam até mesmo o visitante mais exigente. Segundo historiadores locais, até mesmo o consagrado cientista Charles Darwin conteve o encantamento quando passou pelo local, há mais de 150 anos.

Mas conhecer a história não é suficiente. É preciso encarar o frio para conhecer recantos verdadeiramente encantadores. Como, por exemplo, a Província de Santa Cruz, conhecida por ser a comunidade com menor concentração humana na Argentina. Sua densidade demográfica registra menos de um habitante por quilômetro quadrado.

As províncias mais famosas da Patagonia são Chubut, Santa Cruz e a Terra do Fogo. Em Chubut, turista é cativado pela geografia árida de Porto Pirâmides. E lá também que se encontra Punta Tombo, área de concentração de pinguins. Em Santa Cruz estão as famosas montanhas glaciais, como por exemplo o Monte Fitz Roy e os gigantescos blocos de gelo do glacial Perito Moreno. E na Terra do Fogo, a badalada Ushyuaia, conhecida como o fim do Mundo, que disputa o título de cidade mais austral a vizinha Porto Willians, já no território da Patagônia chilena.

Conhecer a Patagônia, no entanto, requer muito planejamento. Primeiramente, para escolher o destino. A imensidão territorial da região exige longos e cansativos deslocamentos. Isso, logicamente, leva tempo. Para conhecer efetivamente a Patagônia em sua totalidade, seriam necessários alguns meses de viagem.

E pode ter certeza que durante esse tempo nada será repetitivo. Cada estação do ano reserva uma surpresa. Nos meses de verão, logicamente mais quentes, o turista é beneficiado com até 17 horas de luz natural, o que torna os dias mais longos e apropriados para o turismo. Em compensação, no inverno os dias têm em média oito horas de luz. Com isso, a temperatura sofre mudanças radicais, podendo ir de -20ºC durante o inverno na Terra do Fogo, até 30ºC nas regiões mais áridas. De qualquer forma, a Patagônia é única.

LEI REVOGADA

Durante a reunião ocorrida na manhã desta manhã desta quarta-feira, entre representantes do setor de hospedagem, a presidente da Amazonastur e o gabinete do Deputado Roberto Cidade, acontecida na Assembleia Legislativa, ficou acordada a revogação da Lei 5.290/2020, que dispunha sobre horário de check-in e check out nos meios de hospedagem do Amazonas. A lei, que ainda está no período de 60 dias para entrar em vigor, será automaticamente suspensa com o pedido de revogação protocolado pelo Deputado. Uma sábia decisão, articulada por quem entende de hotelaria e turismo.

CIRCUITO LITORAL

O Consórcio Turístico Circuito Litoral Norte de São Paulo está apoiando a rodada de negócios realizada pelo SEBRAE no próximo dia 24 de novembro. Com o objetivo de promover encontros empresariais que fomentem a realização de negócios entre empresas compradoras que buscam soluções de melhor custo, qualidade e distribuição de serviços e produtos, e fornecedores regionais, o evento acontece de forma totalmente virtual e gratuita. O SEBRAE, neste momento, está captando empresas interessadas em participar como âncoras, ou seja, compradoras dos setores de Turismo e afins.

ALTA CAPIXABA

O Espírito Santo registrou a quarta menor queda das atividades turísticas no segundo trimestre deste ano entre os 12 estados pesquisados do País, segundo dados do Boletim da Economia do Turismo Capixaba. Segundo Dorval Uliana, secretário de Turismo do estado, isso reflete o trabalho governamental, mantendo contato constante com empresários e orientando sobre medidas econômicas. O Observatório do Turismo, também, demonstrou a grande necessidade de linhas de crédito específicas para o setor e, conforme a pesquisa, 42,4% dos entrevistados buscaram essa facilidade.

MACEIÓ DE AZUL

Desde domingo, a Azul Viagens deu início à temporada de voos fretados para atender Maceió, um dos destinos que mais receberá operações deste tipo no Brasil. Até janeiro de 2021, serão 18 voos diretos aos finais de semana partindo de várias cidades das regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste do país. A conquista faz parte de uma política de incentivo e aproximação entre o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), e as principais companhias aéreas e operadoras do país. Os voos acontecerão sempre aos sábados e domingos.

REUNIÃO ABRAJET

A Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo convoca os membros do Conselho Nacional para a reunião virtual que acontecerá no dia 24 de novembro, através da plataforma Zoom, com primeira convocação às 17h50 e segunda convocação às 18 horas. A pauta principal será a prorrogação do mandato da atual diretoria, tendo em vista que somente em junho de 2021 acontecerá o congresso eleitoral conforme determina o estatuto da entidade. É importante a participação nesta reunião do Conselho para dar legitimidade ao mandado do presidente Evandro Novak no próximo semestre.

GRANDE DESTINO

Mais uma vez os olhos do turismo mundial se voltam para Gramado, onde está acontecendo mais um Festuris. Com identidade cultural diversa, herdada de povos colonizadores, o Rio Grande do Sul é um dos principais destinos turísticos do Sul do Brasil. Do Litoral a Fronteira Oeste, do Chuí até as Missões, passando pela Serra Gaúcha, prestigiada nacionalmente, o Estado oferece roteiros com belas paisagens, arquitetura renomada e gastronomia de qualidade. Ao todo, 27 regiões convidam os turistas a mergulhar na história rio-grandense. Mergulho que encanta e vale cada centavo investido.

BLUE TREE

O Blue Tree Premium Londrina e o desenho animado Giramille se unem em uma divertida parceria que apresenta ações especiais para os pequenos hóspedes. A novidade faz parte do projeto Experiência Mais, que tem como objetivo diversificar os produtos da marca hoteleira e atingir novos públicos. De forma lúdica, a Giramille, empresa brasileira que figura entre os principais canais de conteúdo infantil do Youtube, além da presença expressiva no Instagram (com cerca de 700 mil seguidores), programas da TV aberta e streaming, disponibilizará jogos, desenhos para colorir.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email