9 de maio de 2021

Pan Amazônia promove união e fortalecimento empresarial

A Pan Amazônia é uma organização não governamental que tem a missão de agregar e alavancar a integração e cooperação para o desenvolvimento econômico da Amazônia, alinhada à preservação da natureza. Geograficamente abrange um campo produtivo bem robusto que promove o progresso da coletividade e atua contra qualquer ilegalidade.

Para conduzir as novas diretrizes da entidade, os associados elegeram este mês o seu novo presidente do Conselho, Alexandre Zucatelli, 34 anos, administrador de empresas, trabalha desde os 16 anos nos negócios da família nos setores de agronegócios, autos, combustível, indústria de nutrição animal, construção civil e reflorestamentos em seis estados do norte e nordeste do país. O empresário vai assumir o comando da Pan Amazônia no dia 1º de abril e ficará no cargo por dois anos.  Para o cargo de Vice-Presidente do Conselho foi reeleito o empresário Jonathan Benchimol e para a Diretoria Executiva, permanece Belisário Arce.

A organização não governamental, foi fundada em 2010, hoje possui 68 associados e está bem consolidada.  Funciona com uma Diretoria Executiva sediada em Manaus e Comitês Mesas Pan-Amazônicas nos estados do Acre, Amapá Maranhão, Mato Grosso, Pará, Roraima e Rondônia com envolvimento dos países que têm a floresta Amazônica em seu território como, Colômbia, Peru, Venezuela, Equador, Bolívia, as Guianas e o Suriname, além do Brasil. 

Para o novo presidente ao longo desses dez anos, as ações da entidade são conduzidas com muito respeito e ética. “Um dos grandes objetivos de nossa gestão é começar a trazer mais empresários e formar uma grande mesa com representantes de toda a Amazônia brasileira e dos países vizinhos, principalmente da classe ruralista”.  

Zucatelli também ressaltou  “Vamos buscar elementos precisos para entender quais são as necessidades e as prioridades de cada região, formando uma vasta rede com a competência de nomear um diretor geral em cada localidade para começarmos a buscar novas empresas para se associar dentro das perspectivas dirigidas pela presidência e diretoria executiva da Pan Amazônia juntamente com o diretor geral escolhido . Desta forma poderemos, de fato, colaborar e estabelecer uma conversa com cada setor privado ou público e avançar na troca de informações sobre as vocações regionais do desenvolvimento econômico considerando também sua respectiva desburocratização”, acentuou o presidente da Pan Amazônia.

CONSTRUTORA LANÇA LODGE AUTOSSUSTENTÁVEL COM ENERGIA SOLAR E PAREDES TÉRMICAS NO AM

O mercado busca diariamente inovações em tecnologia, sustentabilidade, agilidade e custos mais baixos.  Na construção civil a empresa Amazon Arch Shape saiu na frente em busca por materiais que geram menos resíduos, além de métodos construtivos com mais agilidade e menor preço e lança em Manaus chalés, casas e apartamentos com o sistema de painéis monolíticos em EPS. E\

Os painéis em EPS são revestidos com malhas de aço treliçadas e cobertos por uma argamassa estrutural, este sistema foi comparado ao sistema convencional de fechamento em blocos de concreto para análise de custos, prazos e sustentabilidade, apresentando assim um sistema inovador que vem ganhando espaço nos orçamentos de cada empresa.

Segundo o engenheiro Edson dos Santos, “Atualmente a necessidade do mercado faz com que o sistema construtivo em painéis monolíticos em EPS seja altamente vantajoso, visto que o mesmo apresenta os requisitos: rapidez na execução, qualidade, sustentabilidade, competitividade, conforto termo acústico, impermeabilidade, altíssima resistência e fácil transporte considerando que os painéis são leves se comparados aos blocos de concreto”, concluiu.

Na região amazônica esse novo sistema construtivo caiu como única alternativa para a construção de residências e hotéis no meio da selva ou áreas urbanas, pois além de diminuir o tempo de construção para 25 dias cada unidade com três suítes também diminui o valor da obra em 20%. Permite ainda que o cliente tenha luz solar e internet sem precisar de cabeamento terceirizado, bem como paredes térmicas e acústicas que deixa a construção auto sustentável.

Esta tecnologia foi difundida em diversos países a Europa e América Latina e chegou ao Brasil nos anos 80. 

A Archiplanta Engenharia atua em Goiás, Bahia e Distrito Federal e está implantando a Amazon Archi Shape na capital amazonense. Informações: (92) 99497-1094, ou pelo site: archiplantaengenharia.com.br

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email