3 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Pagamento virtual apresenta formatos

Lista do Jornal do Commercio tem alternativas de pagamento de PayPal a Google Wallet

Comprar e vender produtos pela internet são práticas cada mais comuns. Junto com essa tendência cresce o número de serviços de pagamento online, chamados também de carteira digital, que servem como intermediadores entre consumidores e comerciantes, sejam eles grandes lojas ou vendedores autônomos. Para ajudar a escolher um serviço, o Jornal do Commercio apresenta uma lista com cinco opções de pagamento virtual.
Plataformas como PayPal já são extremamente populares em lojas virtuais. Outras, como o Google Wallet trazem a tecnologia da carteira digital. Ainda pouco difundido no Brasil, o recurso transforma celulares e tablets em cartões de crédito e permitem realizar transações financeiras de forma simples.

1) PayPal
O PayPal é o mais popular serviço de pagamentos via internet. Pioneiro no segmento, ele serve tanto para quem quer comprar quanto para o internauta que deseja vender algum produto online. O sistema funciona como um banco que armazena dados pessoais e bancários, oferecendo a vantagem de não repassar ao vendedor as informações do comprador, como o número do cartão de crédito, funcionando como um intermediário da compra via internet. O consumidor paga ao PayPal, que paga para a loja.
O recurso também devolve ao consumidor o valor do produto, caso este não seja entregue. O PayPal aceita pagamento por cartões de crédito, parcelando em até 12 vezes, além de permitir o débito em conta e oferecer o PayPal Mobile, que permite fazer pagamento em lojas físicas por meio do celular ou do tablet. O cadastro, download do aplicativo e a utilização na web e no celular são gratuitos, mas para transações internacionais pode haver cobrança de taxas de conversão de moeda e impostos.

2) Google Wallet
O Google Wallet é a carteira virual do Google. Funciona como um aplicativo para Android e iOS, desenvolvido para facilitar qualquer tipo de pagamento online, inclusive entre amigos e familiares. Se o consumidor já tiver usado o Google Checkout anteriormente, ele já tem um cadastro. O serviço permite receber ou pedir/cobrar dinheiro, e faz o controle do seu orçamento automaticamente.
Outra característica peculiar é a capacidade de armazenar dados dos seus cupons de presentes e programas de fidelidade. Basta que o usuário cadastre os números dos cartões para fazer compras online, que também podem ser realizadas com dinheiro. Nesse caso, é cobrado 2,9% do valor da transação, enquanto que para receber não há taxas. O aplicativo ainda não está disponível no Brasil. Porém, é possível criar uma conta e usá-lo via web para fazer transações em lojas internacionais.

3) MercadoPago
O MercadoPago é a plataforma do Mercado Livre, site de compra e venda online, para receber pagamentos de transações via internet, realizadas pelo site e aplicativos para dispositivos móveis. Ele é destinado para quem está vendendo produtos ou serviços, sendo cobrado 4,99% por cada pagamento aprovado fora do MercadoLivre, onde o comércio é isento de taxa.
Os clientes podem pagar via cartão de crédito, com parcelas de até 12 vezes, ou com boleto bancário, à vista. O valor é creditado na conta do MercadoPago, da qual pode ser transferido para a conta bancária do usuário. A plataforma também oferece administração dos pagamentos e prevenção de fraude.

4) Pagamento Digital Bcash!
Atualmente chamado de Bcash!, o Pagamento Digital é uma plataforma do Buscapé que faz a intermediação de transações financeiras para compradores e vendedores. Seu diferencial é o limite de crédito, que funciona de forma similar a de um cartão, possibilitando compras até uma quantia determinada (R$ 1 mil para pessoa física e R$ 2 mil para empresas). É possível aumentar esse limite, mas para isso é necessário comprovar titularidade, endereço e conta bancária. Assim como os concorrentes, cadastro e uso são gratuitos com cartão de crédito e boleto bancário.

5) Moip
O Moip é um intermediador de pagamentos online que tem como atrativo uma poderosa ferramenta de verificação de fraude. Seu algorítmo implementa mais de 400 regras de análise em cada processo e, caso verifique algum problema, a transação passa por avaliação humana.
Segundo os termos de uso do Moip, o sistema conta com 15 opções de pagamentos online, abrangendo cartões de crédito, débito, boleto bancário, débito em conta e pelo celular. Além disso, o sistema permite definir a quantidade de parcelas para pagamento à prazo (até 12 vezes), antecipa o recebimento do valor do produto em até dois dias e não exige cadastro dos compradores.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email