Odebrecht estuda participar da concorrência

A Odebrecht estuda participar da concorrência do trem-bala e de concessões de aeroportos no país, afirmou ontem o presidente da empresa de transportes do grupo, Paulo Cesena.
A participação no trem-bala dependeria de associação com outros investidores. A empresa ainda conclui estudos de engenharia sobre o projeto. “É um projeto bastante complexo. Estamos correndo para atender os prazos”, disse Cesena.
Para a operação em aeroportos, a Odebrecht não descarta atuar sozinha, disse o executivo. Mas Cesena afirmou que a empresa analisa também consorcia-se com outros grupos. Para ele, ao associar-se a um sócio especializado “ganha-se competitividade num projeto de grande porte”.
Cesena afirmou que a Odebrecht Transport, criada em 2010, planeja faturar em 2012 R$ 1 bilhão. O principal investimento da empresa, para o executivo, é a operação da Supervia, empresa concessionária dos trens urbanos do Rio.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email