Obras de reconstrução e modernização da AM-010 iniciam

O governo do Amazonas deu início ao projeto de reforma e modernização da AM-010, estrada que liga Manaus a Itacoatiara (distante 270 quilômetros de Manaus). Com um investimento superior a R$ 366 milhões, as obras devem estar concluídas até o final de 2022.

Pelo menos 10 mil empregos diretos e indiretos serão gerados com a recuperação da rodovia, segundo estimativas do governo estadual. A estrada também dá acesso aos municípios de Rio Preto da Eva, Silves, Itapiranga, Urucurituba e Urucará que mantêm um estreito intercâmbio econômico e social com a capital do Amazonas.

Nessa quinta-feira (12), prefeitos, vereadores e deputados estaduais acompanharam o governador do Estado, Wilson Lima (PSC), durante o lançamento das obras, em Itacoatiara, com a presença inclusive do prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), sinalizando uma possível ação conjunta entre os dois governos (municipal e estadual) para execução do projeto de reconstrução.

Wilson Lima ressaltou a importância da AM-10. “Recuperar e modernizar a estrada significa a pavimentação de um caminho para o desenvolvimento. É qualidade de vida para as pessoas que moram aqui. É geração de emprego e renda”, disse o governador.

Ele falou ainda do impacto positivo da pavimentação da via na geração de novos postos de trabalho na região. “Só nessa obra, nós estamos gerando 10 mil empregos diretos e indiretos. Investir em infraestrutura significa plantar sementes para um futuro melhor. É um projeto que transforma a vida das pessoas. Isso aqui é histórico”, acrescentou o governador do Estado.

O prefeito David Almeida também destacou a importância social e econômica da pavimentação da rodovia para a RMM (Região Metropolitana de Manaus). “A reforma da estrada estadual influenciará no sucesso do Plano Safra municipal, lançado na última semana, também contando com a parceria dos governos estadual e federal”, disse ele.

Foto: Marcely Gomes / Semcom

Economia

Prefeitos dos municípios vizinhos cortados pela rodovia ressaltaram que o projeto vai alavancar os principais potenciais econômicos de suas cidades, corroborando em melhor logística para o escoamento de produtos, principalmente nas atividades do agronegócio e piscicultura.

A última intervenção para melhorar as condições de tráfego na AM-010 aconteceu há 40 anos. Dos mais de R$ 366 milhões necessários para a execução do novo pacote de obras, R$ 220 milhões são de uma emenda do senador Omar Aziz (PSD-AM) e R$ 146 milhões do governo do Estado.

“É um sonho que nós estamos realizando, é um anseio de quatro décadas. Com essa infraestrutura, nós vamos proporcionar o desenvolvimento tão sonhado que Itacoatiara precisa”, afirmou o prefeito do município, Mário Abrahim (PSC).

As obras na AM-010 contemplam 250,4 quilômetros, incluindo a construção de um novo pavimento, implantação de acostamentos e novas sinalizações horizontal e vertical. A pista da rodovia será alargada e passará a ter 11 metros de largura. Serão construídos acostamentos de 1,5m de largura ao longo de toda extensão da obra, além de terceiras faixas em 27 pontos críticos de ultrapassagem.

Para dar agilidade aos trabalhos, o governo do Amazonas montou cinco frentes de obra distintas entre a capital e a sede do município de Itacoatiara que atuarão simultaneamente. Uma das frentes dá início aos trabalhos no Km 13, e outra no Km 76,8. A terceira frente começa no Km 127,60, e a quarta no Km 177,40. A quinta frente começa no Km 222,80.

FOTO/DESTAQUE: Diego Peres/Secom

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email