O tropeço da delegada geral

A delegada geral de Polícia do Amazonas, Emília Ferraz, cometeu um erro: deu entrada em seu processo de aposentadoria ainda no cargo e foi efetivamente aposentada em tempo recorde. Isso gerou uma série de questionamentos, desde a estranheza com a idade – 45 anos –, algo que o cidadão comum, que acabou de passar por uma reforma da Previdência que estabeleceu em 65 anos a idade mínima para a aposentadoria na iniciativa privada; o fato de poder ter sido beneficiada pelo cargo que exerce e a própria condição de aposentada, a indicar que ela não poderia mais permanecer no cargo. Além dos questionados direcionados ao ato em si, deflagrou-se na Polícia Civil uma corrida desenfreada de pretensos candidatos a sucedê-la. Ferra é considerada “linha dura”, tem tomado medidas elogiadas, mas o tropeço – que é moral, não legal – a coloca em situação constrangedora. A amigos, ela disse que teria se antecipado com o pedido porque entendia que o processo seria demorado. Não foi. E agora ela tem um problema a administrar.

IRRITADO

O empresário baiano Carlos Suarez, acionista majoritário da Companhia de Gás do Amazonas, não ficou nada satisfeito com a aprovação da chamada “Lei do Gás” na Assembleia Legislativa, por iniciativa do Governo Estadual. Ele esteve com o governador Wilson Lima (PSC) no final de semana e manifestou a sua insatisfação, que na prática significa uma queda brusca do valor de mercado de sua empresa.

REAÇÃO

Suarez comunicou ao governador que vai à Justiça questionar a nova lei. Mas o que ele não disse ao interlocutor é que pretende reagir de outras formas, politicamente inclusive. Figura não tanto simpática para o meio político local, o empresário terá que se articular bem se quiser reverter a situação. Há quem diga que não conseguirá, até porque a quebra de monopólio é uma tendência mundial.

TROCO

Aliados do coronel da reserva do Exército Alfredo Menezes garantem que ele vai assumir a superintendência local do Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes. Ele foi preterido na semana passada pelo ministro da Infraestrutura, Tarciso Freitas, que decidiu nomear um nome indicado pelo deputado federal Delegado Pablo (PSL). Mas garante que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), seu compadre, vai reverter a situação.

BERLINDA

Das prestações de contas a serem julgadas pelo Pleno do Tribunal de Contas do Amazonas hoje constam a do ex-secretário de Estado do Trabalho em 2016, Breno Viana Ortiz; dos então secretários Municipais de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef) em 2017, Ulisses Tapajós Neto e Lourival Litaiff Praia; do ex-presidente da Câmara Municipal de Parintins em 2017, vereador Maildson Araujo Fonseca, e do então secretário de Estado de Política Fundiária em 2014, Ivanhoé Amazonas Filho.

DOIS PESOS

festa
Foto: Carlos Soares – SSP-AM

A Central Integrada de Fiscalização (CIF) vistoriou 44 estabelecimentos neste fim de semana, em Manaus. Na noite deste domingo (21/03), uma festa clandestina no bairro Alvorada, zona centro-oeste, com cerca de 300 pessoas, foi encerrada e o organizador detido. Em compensação, no bar Axerito, frequentado pela classe alta, uma festa aconteceu no final de semana sem nenhuma importunação.

REVIRAVOLTA

Em decisão liminar proferia no plantão cível deste domingo (21), o juiz Cássio André Borges dos Santos determinou a suspensão dos efeitos da Resolução CME n.º 054/2021, do Conselho Municipal de Educação de Manaus, que havia tornado sem efeito resolução anterior do próprio colegiado, que regulamentava a inclusão da educação para as relações étnico-raciais; diversidade sexual e de gênero, bem como diversidade religiosa, no Sistema Municipal de Ensino. A ação que resultou na liminar foi ajuizada pela Associação de Desenvolvimento Sociocultural Toy Badé e pela Associação Nossa Senhora da Conceição.

POLÍTICA

O Politize!, Organização da Sociedade Civil sem fins lucrativos (OSC) e sem vinculação político-partidária, está com inscrições abertas para o curso gratuito de Formação de Lideranças Públicas. Os interessados podem se inscrever até o próximo domingo (28), por meio do link: politize.com.br/embaixadores.

E-BOOK

Prefeitura de Manaus está consolidando em um único documento a legislação completa, unificada e atualizada do Plano Diretor do Município e suas leis complementares, para promover consulta mais rápida, eficiente e unificada das leis em vigor. Para isso, o Instituto Municipal de Planejamento Urbano está montando o e-book “Legislação Urbanística Municipal” – Plano Diretor Urbano e Ambiental de Manaus e suas Leis Complementares, reunindo as revisões e alterações realizadas nos anos de 2014, 2016 e 2019, totalizando 14 documentos.

FRASES

“Um país educado politicamente respeita a diversidade”. Arthur Virgílio Neto (PSDB), prefeito de Manaus, em debate nacional

prefeito

“Vamos buscar soluções definitivas.” David Almeida (Avante), prefeito de Manaus, sobre as alagações após as fortes chuvas do final de semana

Foto/Destaque: ERLON RODRIGUES

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email