O poder de estar bem consigo mesmo…

Não há ninguém que viva as experiências terrenas sem falhas ou incorreções. Todos trazemos limitações pessoais, tormentos emocionais, que nos levam quase que, inevitavelmente, a cometer tropeços aqui e acolá. Não raro, imaginamos nossos erros como irreparáveis, de alta gravidade, chegando a imaginar que são incorrigíveis. Essa é uma ideia falsa e perturbadora. Entender nossos equívocos dessa forma é trilhar caminho perigoso pela falta de convicção em nós mesmos, atalho fácil para novos e talvez maiores comprometimentos.

Desde que percebemos o erro cometido, que nos damos conta da atitude indevida, permitindo-nos o arrependimento, revelamos indícios de maturidade. A partir do momento que resolvemos mudar para melhor, nos reabilitarmos, damos importante passo para a reestruturação pessoal. Assim, não nos aprisionemos nos profundos poços de nossos tropeços. Levantemos mil vezes se assim for necessário, para mil recomeços de nossa trajetória. Por mais isolados que pareçamos estar, nenhum de nós caminha sozinho, abandonado pelas leis evolutivas.

Exultemos ante as oportunidades que nos são ofertadas: o dom da vida, da saúde física, da beleza que a natureza imprime em tudo que nos cerca. Portanto, não há porquê invejar quem já superou as dificuldades, àquelas ainda não resolvidas em nosso íntimo. Eles também, tal qual agora nos ocorre, tiveram seus enfrentamentos com as próprias limitações e venceram a si mesmos.

Ao triunfarmos dos reveses e vicissitudes que nos aprimoram, seremos tal como o diamante que brilha, mas que não mais se recorda dos golpes que sofreu durante sua lapidação. Amemos a vida, recuperando a alegria real para que nosso sorriso seja de plenitude, superando as decepções que colecionamos de nós mesmos. Que esses erros nos sirvam de lições capazes de esculpir, em nossa intimidade, as leis imortais, que nos foram reveladas pelo Racionalismo Cristão.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email