O monólogo de Elizabeth Bishop

Quem quiser conhecer um pouco mais sobre a poeta americana Elizabeth Bishop, vai ter essa oportunidade nos próximos dias 6, 7 e 8 de junho, no Teatro Manauara, através do monólogo “Um Porto para Elizabeth Bishop”, interpretado pela atriz Regina Braga, filha de uma amazonense.
“Um Porto para Elizabeth Bishop” revive os anos em que a poeta viveu no Brasil, nas décadas de 1950 e 1960, no Rio, em Petrópolis e em Ouro Preto. A peça conta as aventuras vividas por Elizabeth, tendo um encontro com um Brasil exuberante e inquieto politicamente, o que rendeu poemas, um livro, reportagens e cartas de Bishop escritas a seus amigos americanos.
Contar a história de Elizabeth Bishop traz à tona Lota Macedo Soares, a razão pela qual a americana, que pretendia apenas fazer uma escala no Rio, durante uma viagem em torno do continente, acabou permanecendo no Brasil por tanto tempo.
Elizabeth Bishop recebeu o prêmio Pulitzer de Poesia, em 1956, e teve seu nome incluído nos mais importantes balanços da produção literária dos últimos 100 anos.
Em entrevista ao Jornal do Commercio, de Salvador, onde grava um filme, Regina Braga falou um pouco mais sobre a personagem que interpretará e sobre ela mesma.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email