A medida em que o tempo passa, o mercado local vai temendo ainda mais as medidas que o super ministro da Economia, Paulo Guedes, pode tomar em prejuízo da Zona Franca de Manaus. Os artigos sequenciados do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), acenderam de vez a luz amarela, quase vermelha. E a falta de nomeação do novo superintendente da Suframa, o coronel reformado do Exército Alfredo Menezes, está a demonstrar o desprezo com que o modelo de desenvolvimento local tem sido tratado. Para completar, ontem cinco governadores foram chamados para falar de reforma fiscal – o de São Paulo, de Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Sul e do Espírito Santo. Wilson Lima (PSC) foi totalmente ignorado. Se todos não se unirem em torno do tema, dificilmente a ZFM vai escapar da degola, o que, nas palavras de Virgílio, pode levar os amazonenses literalmente ao desespero. Já passou da hora de ser organizada uma grande caravana a Brasília, capaz de impressionar e pressionar o poderoso ministro, que parece determinado a rever na totalidade a política de incentivos fiscais do país.

ENQUANTO ISSO…

O ainda superintendente da Suframa, Appio Totentino, recebeu ontem uma comitiva da Embaixada da República da Coreia do Sul no Brasil, liderada pelo embaixador Chan Woo Kim, que também esteve com o governador Wilson Lima. Eles estão especialmente interessados nas possibilidades de parceria com o Centro de Biotecnologia da Amazônia.

SATISFEITOS

A taxa de satisfação dos turistas de navios cruzeiros que passaram pelo Amazonas durante a temporada 2018/2019 alcançou o percentual de 77,38%. Os entrevistados em um estudo realizado pela Empresa Estadual de Turismo do Amazonas responderam a um questionário contendo 16 itens, entre comidas regionais, internet, opções de lazer, informações turísticas, bares e restaurantes.

OPORTUNIDADES

Termina hoje o prazo para o credenciamento de produtores rurais, associações, cooperativas e agroindústrias do Amazonas no Programa de Regionalização da Merenda Escolar. O prazo para o credenciamento de entidades jurídicas e organizações de moveleiros para o Programa de Regionalização do Mobiliário Escolar também encerra nesta data. Os editais estão disponíveis no site da Agência de Desenvolvimento Sustentável: www.ads.am.gov.br.

NAVAL

A Universidade do Estado do Amazonas está com inscrições abertas, até o dia 22 de fevereiro, para a primeira turma do Curso de Especialização em Engenharia Naval. Ao todo são ofertadas 40 vagas para profissionais graduados em Engenharias e Tecnologias. Com mensalidade no valor de R$ 700, o curso acontece na própria EST, tem carga horária de 360 horas, duração de 15 meses e será ministrado por módulos, cujos temas possuam relação direta com os aspectos afins à Engenharia Naval.

JANEIRO BRANCO

A fachada do Teatro Amazonas ganhará iluminação especial na cor branca, a partir das 18h de hoje. A ação mostra adesão à campanha Janeiro Branco, que visa mobilizar a sociedade para a importância da saúde mental e praticamente encerra a programação deste ano, no principal símbolo da cidade.

CRITÉRIOS

O Governo do Amazonas publicou ontem, no Diário Oficial do Estado, as portarias de números 021/2019 e 022/2019, contendo os regulamentos para solicitação de apoio cultural, na realização de bandas e blocos de rua, na capital e no interior. As portarias apresentam os documentos necessários e exigências legais a serem seguidas para apoio na parte de atrações musicais. O secretário estadual de Cultura, Marcos Apolo Muniz, informa que, ao todo, 100 bandas e blocos da capital amazonense poderão receber apoio no Carnaval 2019.

WARABU

Já imaginou comer um chocolate mais saudável produzido a partir de insumos amazônicos? O projeto “Warabu Bean To Bar Chocolate da Floresta Amazônica”, desenvolvido com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas, busca inovar na produção de barras de chocolate usando matéria-prima da região com extratos naturais de frutas como, por exemplo, camu-camu, açaí, mangarataia, guaraná, puxuri, cumaru, entre outros. 

RECONHECIMENTO

Aliás, o empenho da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas na divulgação de eventos científicos foi reconhecido pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, que entregou à Fundação um certificado pelo seu esforço na divulgação da 29ª edição do Prêmio Jovem Cientista, ocorrido em outubro do ano passado. O documento foi assinado ainda pelo Ministério da Ciência Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI), Fundação Roberto Marinho, Fundação Grupo Boticário Proteção à Natureza, Banco do Brasil e Embaixada do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte no Brasil.

FRASES

É importante dimensionar que esses dados de classificação não são de alarme, mas de controle, não indicando assim grau de iminência de rompimento de uma barragem”, Eduardo Taveira, secretário estadual de Meio Ambiente, sobre a mina de Pitinga, em Presidente Figueiredo

Manaus continua perseguida pela indústria do Sul Maravilha, incapaz de compreender a importância geopolítica, social, ambiental do PIM no que toca a uma das regiões mais cobiçadas do mundo”, Edilson Martins, jornalista carioca, em artigo publicado no Facebook

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email