16 de abril de 2021

O Lojista na TV de cara nova, programa recebe Eron Bezerra

A versão televisiva do jornal impresso ‘O Lojista’, ganhou um novo formato e começou a temporada 2008 de cara nova.

A versão televisiva do jornal impresso ‘O Lojista’, ganhou um novo formato e começou a temporada 2008 de cara nova. Depois de relembrar tudo o que aconteceu em 2007 no especial de retrospectivas exibido durante todo o mês de janeiro, o programa ‘O Lojista na TV’ recebeu no mês de fevereiro os primeiros convidados do ano e veio cheio de novidades. Eron Bezerra, secretário da Sepror (Secretaria de Estado da Produção Rural) foi o estreante da nova fase do programa.
Quem ligar a televisão todas às terças-feiras, às 8h45, no canal temático da Amazônia, 44 (Amazon Sat) vai perceber que o programa ‘O Lojista na TV’, um oferecimento da FCDL-Amazonas (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Amazonas) e da CDL-Manaus (Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus) está de cara nova. As mudanças podem ser percebidas logo na abertura do programa que ganhou nova vinheta.
Com imagens de linhas de montagens de empresas do PIM (Pólo Industrial de Manaus), consumidores e lojas do centro comercial, Porto de Manaus, Teatro Amazonas e prédio da Alfândega, a nova vinheta de abertura veio com a mesma trilha sonora, porém, com um acorde mais parecido com a de um telejornal.
O painel, que não podia ficar de fora, também sofreu alterações. As cores verde e azul ofuscantes deram lugar a um cinza suave. Linhas brancas e estreitas traçam o painel de ponta a ponta. As logomarcas das duas entidades patrocinadoras (FCDL-Amazonas e CDL-Manaus) mais a do SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Credito), também ganharam destaque e podem ser vistas no novo layout. A palavra ‘O Lojista’ permaneceu com a cor branca, já o complemento ‘na TV’, veio com o tom amarelo.
No final do programa outra novidade. Os apresentadores Ralph Assayag e Hileano Praia, presidente e vice-presidente da FCDL-Amazonas respectivamente, passam a convidar o telespectador para o próximo programa e anunciam o convidado que estará no quadro de entrevista. Após o anúncio, um box será aberto com imagens da entrevista. Para este novo ano que se inicia, o programa conta também, com novos quadros, mais matérias com informações voltadas para a classe lojista da capital e interior do estado, além de uma programação especial para o telespectador do todo o Brasil e outros continentes onde é exibido.

Convidado especial
E para estrear o novo formato do programa que foi ao ar no dia 5 de fevereiro sob o comando do vice-presidente da FCDL-Amazonas Hileano Praia, o Secretário da Sepror (Secretaria de Estado da Produção Rural) Eron Bezerra, foi o entrevistado.
O número de produtores rurais do Estado do Amazonas é da ordem de 270 mil pessoas, distribuídas em 67 mil propriedades, das quais em torno de 94% são de base estritamente familiar, informou o secretário Eron Bezerra, frisando que os dados são do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), conforme levantamento feito ano passado.
Para o secretário, em termos de comparação, nunca é demais relembrar que esse quantitativo é superior à somatória de todos os trabalhadores do PIM (Pólo Industrial de Manaus) e dos servidores dos executivos estadual e municipal. Na entrevista, Eron Bezerra lembrou que a produção rural já foi um setor duramente atingido, especificamente no período de 1995 a 2002, em decorrência do fechamento de praticamente todos os órgãos que elaboravam e executavam a política do setor primário no Amazonas. “Dentre outros, foram extintos a Codeagro, Ieram, Iteram, Cepa, e a própria Sepror. A Emater foi substituída pelo Idam, cuja filosofia de trabalho foi consideravelmente alterada e sua área de atuação foi reduzida a 29 escritórios” compartilhou o secretário, destacando que a partir de 2003, o executivo estadual formou um conjunto de medidas visando a recuperação da Secretaria de Produção Rural e de outros órgãos.

Novidade
Foi no programa O Lojista na TV que o secretário Eron Bezerra anunciou em primeira mão que será construída a 1ª Fecularia do Amazonas. “Se trata de uma indústria para

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email