O bem que R$ 200 milhões fazem ao mercado

O adiantamento da primeira parcela do décimo terceiro salário dos funcionários públicos estaduais está fazendo um bem enorme ao mercado. Todos os setores indicam crescimento neste mês de agosto e a expectativa do comércio é a de que R$ 68 milhões sejam movimentados nestas duas semanas que antecedem o Dia dos Pais. Nunca esta data foi tão comemorada. Normalmente os comerciantes comemoram outras festas que costumam superar aquela destinada aos genitores. É o caso do Natal, do Dia das Mães e até do Dia dos Namorados. Ocorre que, depois de um primeiro semestre horrível, a injeção de R$ 200 milhões na economia trouxe um grande alento. Aliás, era o que os empresários queriam há muito tempo. A coluna chegou a publicar que eles se ressentiam da presença do Estado no mercado. A situação prova que o governo do Amazonas continua sendo o grande indutor da movimentação de moeda em Manaus.

HOLOFOTES

As primeiras-damas voltaram a atrair os holofotes. Dona Nejmi Aziz, que andava fora dos eventos do governo, voltou a participar deles com mais frequência. Na semana que começa nesta segunda-feira, ela promove um grande bazar em benefício de entidades filantrópicas. Já dona Goreth Ribeiro esteve bem na mídia nos últimos dias e ocupou lugar de destaque no anúncio da reforma administrativa, na última quinta-feira.

ACAMPADOS

O colegiado “Movimentos Unidos de Manaus” anunciou ontem que não deixará a frente da Assembleia Legislativa antes que todas as pautas contidas no documento que apresentou aos deputados sejam atendidas. Podem começar a pensar então em transformar as barracas de lona em pequenos prédios em alvenaria, porque algumas reivindicações não se transformarão em realidade nem nessa, nem em qualquer outra legislatura. Há quem diga que a verdadeira intenção dos manifestantes vai ser revelada quando começarem as convenções partidárias, em junho do ano que vem. Resta saber se eles aguentam até lá.

NEOAPOSENTADO

O ex-vereador e ex-senador Jefferson Praia deve se afastar da política e retomar a carreira de economista, depois de deixar a Secretaria de Abastecimento da capital, na reforma administrativa anunciada pelo prefeito Arthur Neto. Ele cogita retomar a apresentação de um programa sobre sustentabilidade no Amazon Sat. Dificilmente aceitará o cargo que lhe foi oferecido no Conselho Municipal de Notáveis.

INTRIGA

O senador Alfredo Nascimento (PR) enxerga dedo de opositores na denúncia apresentada contra ele pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, junto ao Supremo Tribunal Federal, por suposto favorecimento a empresários associados e seu filho, Gustavo. Para o político, restou provado que sua saída do Ministério dos Transportes deveu-se a um lobby de quadrilheiros comandados pelo bicheiro Carlinhos Cachoeira, e não a eventuais dolos cometidos por sua família.

DESTAQUE

Conhecido por sua atuação no direito eleitoral, o advogado amazonense Daniel Nogueira foi destaque no cenário internacional da arbitragem, ao ser escolhido, em meio a 73 profissionais selecionados de 58 países, para receber menção honrosa, no dia 19 de julho, durante curso de verão da Academia Internacional de Direito Arbitral em Paris, na França. Apesar do setor ainda ser embrionário no Brasil, Nogueira aposta em sua expansão.

OLHO NELES

A enorme expansão da economia nas zonas Leste e Norte, as mais populares da cidade, está chamando a atenção das autoridades fazendárias. Basta ver a operação Hidra, deflagrada ontem pela Polícia e pela Receita Federal. Ela cumpriu 12 mandados de prisão e 30 de busca e apreensão em estabelecimentos comerciais, cujos proprietários são acusados de falsificar documentos para burlar o fisco.

CENTRO SEGURO

A outra operação, esta das Polícias locais, foi denominada “Centro Seguro” e mostrou o quanto aquela região da cidade estava degradada. Não foram poucos os momentos de drama. Muita gente consumindo drogas nos pequenos hotéis, estrangeiros em situação ilegal e famílias inteiras vivendo em situação de extremo risco. O prefeito Arthur Neto acompanhou pessoalmente a ação dos policiais e chegou a intervir em casos mais complicados.

OPORTUNIDADE

O vice-prefeito de Manaus, Hissa Abrahão, terá duas horas e meia de oportunidade para convencer o governador Omar Aziz de que pode ser a opção do grupo para disputar o governo do Estado. Este é o tempo estimado da viagem a Brasília, que ele deverá fazer nesta segunda-feira pela manhã, a convite do governador, junto com o prefeito Arthur Neto. Por enquanto, a dianteira pertence a Rebecca Garcia e José Melo.

MANDATO NISSEI

Os vereadores de Manaus, Massami Miki, e de Rio Preto da Eva, Niró Kohashi, ambos do PSL, articulam a criação de uma frente política cujo principal objetivo é conquistar um mandato de deputado estadual no ano que vem. Só que eles não pretendem parar por aí. A ideia é ir aumentando a armada nissei até chegar à Câmara Federal, o principal alvo do time.

REBULIÇO

O meio político de Parintins, que sacode a qualquer vento, anda agitado por causa da movimentação do vereador Ray Cabeça (PMDB), conhecido pelas suas estripulias. Ele jura que não fez comentários ofensivos ao governador Omar Aziz em um blog local, mas há quem aposte que foi dele mesmo a autoria, apesar da negativa. O assunto cheira a chantagem com o chefe do Executivo Estadual, que não cedeu e por isso foi atacado.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email