8 de maio de 2021

Nova Era aposta na gamificação

Com a tecnologia cada vez mais presente no dia a dia das pessoas, empresas de vários segmentos têm apostado em um novo conceito, a gamificação, como ferramenta de capacitação e estímulo ao crescimento profissional dos colaboradores. Gamificação é o termo que traduz a utilização de elementos e mecanismos de jogos, em um contexto de treinamento de pessoal.

Na região Norte, o conceito está sendo adotado de forma pioneira no varejo, pelo Grupo Nova Era, do qual faz parte o Superatacado Nova Era, o Pátio Gourmet e a rede Barato e Pronto. O grupo desenvolveu o Mega Era Game, interativo e com abordagem lúdica, para capacitação dos seus colaboradores, nas várias áreas de atuação.

A coach e consultora do grupo nesse projeto, Cintia Lima, ressalta que a gamificação vem ganhando cada vez mais espaço no universo corporativo e o Nova Era sai na frente, no segmento de varejo, ao adotar essa ferramenta. Ela explica que estudos de neuroaprendizagem demonstram que esse tipo de estímulo através de desafios, com informações lúdicas e bonificação, contribui e facilita a absorção dos conteúdos. “É uma forma de sair do modelo tradicional de ensino, em que o professor é o detentor do conhecimento e responsável por transmitir o conteúdo, para um formato novo e que permite a cada pessoa ser responsável pela sua aprendizagem”, detalhou.

Segundo Cintia Lima, a gamificação apresenta características que tornam os colaboradores mais engajados e produtivos. “A vontade de competir e vencer desafios faz parte da natureza humana. Por isso, o uso dos recursos de jogos pode contribuir para o crescimento das equipes e, consequentemente, dos resultados no atendimento ao consumidor”, frisou.

A consultora destaca que o primeiro passo para a criação do Mega Era Game foi conhecer os processos de todos os setores e desenhar junto com a equipe interna uma trilha de conhecimento que pudesse agregar ao dia a dia do colaborador.

O gerente de Processos e Tecnologia da Informação do grupo Nova Era, Luis Araújo acredita que o game tem muito a contribuir com o aprendizado do colaborador, pois esse tipo de atividade ajuda no processo de uma forma lúdica. “Nosso objetivo ao adotar essa ferramenta é implantar a cultura de processos e acelerar a curva de aprendizado dos nossos colaboradores, criando mais engajamento nas equipes. O resultado final agradou bastante e agora a intenção é estender aos demais setores”, afirmou.

De acordo com a coordenadora de Processos do grupo Nova Era, Cristiane Gualberto, nesse primeiro momento o jogo começará a ser adotado para treinamento do setor de atendimento nos caixas, sendo depois ampliado para as demais áreas. Para esse público, foram criadas dez fases dentro do game. Ao percorrê-las, o colaborador tem acesso a conteúdos de vídeo produzidos pelos próprios líderes do setor e que auxiliam na resolução das missões. Ao concluir cada fase, o funcionário recebe uma certificação e ainda pode ganhar uma bonificação.

O jogo também conta com um ranking que vai ajudar os líderes a avaliar a aprendizagem de cada pessoa, checar a performance individual e traçar estratégias para trabalhar os pontos fracos. Ao longo do ano, novas missões devem ser incluídas no game, para que o colaborador esteja em constante processo de aprendizagem.

Visualmente, o game conta com um design moderno, interativo e com uma identidade visual que remete ao ambiente de trabalho dos supermercados. Todo o processo de consultoria e criação do game demorou cerca de seis meses para ser concluído.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email