6 de maio de 2021

No meio do caminho havia três pedras

É sabido que o Português EM GOTAS bebe na fonte do quotidiano; das indagações que nos acompanham no correr do dia; daquela leitura que gera questionamentos, que nos impulsionam a consultar um dicionário; da dúvida aparentemente boba, mas que às vezes perturba até o juízo, enfim, basta um olhar atento e curioso para surgir uma série de interrogações…que bom! Nessa quarta-feira trouxe três pedrinhas no sapato, são elas: seriíssimo, soçobrar e claudicar.

SERIÍSSIMO

Gera uma certa estranheza? Não há sombra de dúvida, no entanto o que está devidamente dicionarizado é essa forma para designar o superlativo absoluto sintético de “sério”. Sendo assim, em avaliações escritas, por favor, optem pelo superlativo “seriíssimo”. Mas e quanto à “seríssimo”? Essa última forma já foi consagrada pelo uso e pode ser escolhida para povoar a linguagem informal. Ex: “A garota estava seriíssima, não gostava de brincadeiras fora de hora”.

SOÇOBRAR

Para esse verbo constam nove acepções, nove significados, elenquei dois deles, porém sugiro consultar um bom dicionário para desvendar os demais. “Soçobrar. 02. Fazer naufragar, afundar”. Notem que o constante na acepção 02. pode vir tanto no sentido figurado ou não.

Ex: 1. “Sem toque nem beijo, o namoro soçobrou em alguns meses” (sentido figurado) 2. “O navio soçobrou, engolido pelas águas do Mediterrâneo” (sentido real).  

CLAUDICAR

Vamos ver o que o dicionário nos reserva a respeito do verbo “Claudicar. 01. Não ter firmeza nos pés, coxear, manquejar, capengar. 02. Ter imperfeição, falha ou deficiência, falhar, manquejar. 03. Fig. Cometer falta, falhar, errar, próprio de incerto, vacilante, duvidoso. De repente, você já tenha ouvido ou lido o adjetivo “claudicante” que justamente advém do verbo em questão. Ex: 1. “Após aquela cirurgia em seu joelho direito passou a claudicar”. 2. “A postura ética claudicante daquele senhor já se mostrava ostensiva”.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email