14 de abril de 2021

Nível de confiança do consumidor recua 0,6% em julho

A confiança do consumidor da cidade de São Paulo sobre sua situação econômica diminuiu em julho, segundo pesquisa da Fecomércio/SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo).

A confiança do consumidor da cidade de São Paulo sobre sua situação econômica diminuiu em julho, segundo pesquisa da Fecomércio/SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo). O levantamento mostra que a confiança do consumidor caiu de 154,6 pontos em junho para 153,7 pontos em julho, o equivalente a uma retração de 0,6%.
Ainda assim, o consumidor paulistano é considerado otimista, pois sua confiança se situa acima dos 100 pontos na escala da Fecomércio/SP. A escala varia de 0 a 200 pontos e resultados abaixo de 100 demonstram pessimismo.
“O consumidor paulistano ainda se encontra em zona razoável de otimismo, pois fundamentos para o bom desempenho do seu nível de confiança permanecem robustos, como a massa de rendimentos e a taxa de desemprego em patamares historicamente baixos”, avaliou a entidade, em nota à imprensa.

Futuro incerto

A pesquisa mostra que a leve queda de 0,6% na comparação mensal é explicada, em parte, pelo recuo de 1,2% nas expectativas do consumidor em relação à situação futura. Nesse quesito, o indicador passou de 156,9 pontos em junho para 155 pontos em julho.
O ICC (Índice de Confiança do Consumidor) é apurado mensalmente pela Fecomércio/SP desde 1994. Os dados são coletados com cerca de 2.100 consumidores no município de São Paulo.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email