Nissan testa máquina movida a hidrogênio

A Nissan Motor Co. emprega atualmente nove empilhadeiras movidas a hidrogênio na fábrica de Smyrna (Tennessee-EUA). Em caráter de teste para esses serviços, as células de hidrogênio são uma alternativa ao uso das atuais baterias recarregáveis, com a vantagem de não emitirem nenhum tipo de poluente na atmosfera.
Os veículos de simples operação contam com um posto de reabastecimento dentro da própria fábrica. Se comparados às empilhadeiras atuais, essas movidas a hidrogênio funcionam por 14 horas e levam somente cinco minutos para serem reabastecidas, ao passo que as movidas a bateria têm autonomia de quatro horas e demoram 16 horas para serem recarregadas.
Essa iniciativa segue os princípios do Nissan Green Program 2010 que prevê a introdução de novas tecnologias e desenvolvimento de produtos que favoreçam a redução da emissão de CO2 e de outros gases, além da aceleração no processo de reciclagem de materiais.
A Nissan produz no Brasil desde 2002, quando deu início à fabricação da picape Frontier e, logo em seguida, do utilitário-esportivo Xterra na CVU (Curitiba Veículos Utilitários), em São José dos Pinhais (PR). Os produtos nacionais juntamente com a linha de importados –Tiida, Novo Sentra, Pathfinder e X-TRAIL.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email