Não vote em leões com cara de bonzinhos

O artigo resgata fábula de Esopo e apresenta alguns pastores bolsonaristas enrolados na justiça.

Em dois artigos foram apresentados 27 militares com relação com clã do mito, complicados na justiça, agora conheça líderes dos templos religiosos, pessoas que se comportam como leões famintos por dinheiro, poder, que demostram autoridade e na cara de pau usam a palavra de Deus para pedir votos para o mito/aliados. Antes de elencar os enrolados, resgato uma fábula de Esopo, o melhor contador de estórias e fábulas da humanidade.

Era uma vez uma raposa, que por conta de feridas, adoeceu, fechou seu covil, e passou a gemer pelas dores. Um leão faminto, sentindo o cheiro da presa, se aproximou, perto à porta perguntou-lhe cordialmente como a raposa estava, e que deixasse ele entrar, porque poderia lhe ajudar, lambendo as feridas, pois sua língua poderia curá-la. Mas a raposa era velha, já tinha passado por muitas pernadas, aprendeu com os erros e retrucou “Não posso abrir, creio que sua língua tem virtudes, porém é tão má vizinhada pelos dentes, que tenho grande medo, por conta disso, prefiro sofrer com minha doença e abrir a porta apenas para quem eu confio”. A moral dessa fábula é “não confie em pessoa que não conhece, mesmo quando ela aparenta ser uma autoridade, gente boa”.

Com base nessa fábula, recomenda-se pensar muito antes de votar em alguém, não se deixe enganar com símbolos que representam força, autoridade, poder, especialmente em tempo de eleição. Pense 13 vezes antes de votar em candidatos que apoiam Lula/PT, e pense muito mais, 17 vezes antes de votar em candidato que apoia o Mito ou do PSL, pois representam extremos da politicalha que lançou o país no caos, com apoio de membros condenados ou réus do centrão: MDB, PP, PDT, etc.

Como há uma onda bolsonarista em curso, continuo os artigos anteriores, apresentando mais leões famintos, os pastores enrolados na justiça tanto quanto o clã do mito:

28o) Pastor Silas Lima Malafaia

Este senhor zomba da inteligência do povo, é um charlatão que lidera a Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, um dos braços de igrejas pentecostais. Quem acessa os canais do judiciário, identifica 64 processos envolvendo Malafaia, dos quais 51 estão no TJRJ e 5 no TJSP. Há várias condenações de Malafaia, mas por questão de espaço vou citar uma recente (17/07/20), expedida pela 36a Vara Cível do RJ, na qual Malafaia é condenado <https://bit.ly/34KcZNV> a pagar indenização por danos morais de R$ 15 mil ao deputado Freixo (PSOL-RJ).

Este charlatão grita, fala grosso, engana religiosos desinformados, tentando passar uma imagem de autoridade, explorando o nome de Deus e as sagradas escrituras em vão. Para exemplificar como tem enganado os irmãos nas últimas décadas, basta lembrar que esse falso pastor já apoiou Lula <https://bit.ly/3no9DIU>, Garotinho <https://bit.ly/2StDxgs>, Cabral, Pezão <https://bit.ly/3jBmu8j>, Temer, Crivella, Paes e por último o Mito. Costumo dizer aos amigos, quer saber quem será o próximo corrupto a cair na justiça, basta ver quem Malafaia apoia, não dá outra, coisa do demônio, todos os indicados já foram condenados, são réus ou são investigados pela justiça.

29 e 30o) Pastores Edir Macedo e sobrinho Crivella

Pastor Macedo é um charlatão que tem forte influência no meio religioso, político, e jurídico, com caso de condenação não sendo cumprido por conta da maldita prescrição dos processos <https://bit.ly/36QlVUD; https://bit.ly/36Die4v>. Ele é líder da igreja Universal do Reino de Deus, que acumula várias condenações na justiça, tanto no Brasil quanto no exterior, como um caso na Argentina que investiga numerosos depósitos de grandes somas de dinheiro vivo depositado na conta da igreja. Há outro mais recente, de Angola, em que a justiça ordenou o fechamento de templos dessa igreja nas cidades de Luanda, Viana e Cazenga, por conta de irregularidades que segundo a PGR de Angola, vão desde associação criminosa, discriminação racial, imposição de vasectomia, evasão de divisas e lavagem de dinheiro. Nem a intervenção do Mito junto ao Presidente de Angola foi capaz de ajudar Macedo, pois o Ministro da Justiça e dos Direitos Humanos daquele país, Francisco Queiroz, afirmou que não se deve transformar um problema jurídico em político.

Macedo além de comandar a Igreja Universal, também é dono da Record, e dá as cartas na politicalha brasileira por meio do Republicanos, partido que atualmente abriga só gente “boa”: Carlos Bolsonaro, Flávio Bolsonaro, Pastor Crivella (sobrinho de Edir), empresário Rafael Alves, todos investigados pela PF, pelo MPRJ, Polícia Civil-RJ e MPF, com fatos envolvendo funcionários fantasmas, nepotismo, lavagem de dinheiro, milicianos matadores do RJ, candidatos laranjas, improbidade administrativa, QG de propinas, etc. Fontes oficiais: <https://bit.ly/33CI5HU; https://bit.ly/2Gu0aik; https://bit.ly/33AFbTN; http://bit.ly/2QelB9g; https://bit.ly/3lhoi6H;>

31o e 32o) Pastores Flordelis e Everaldo

Pastora Flordelis é outra charlatona demoníaca, bastante conhecida nas favelas do RJ, com seu jeitinho “legal” de cantar <https://bit.ly/3nkYBnv>, explorava a boa fé das pessoas, se dizia mãe de 55 filhos <https://bit.ly/2GFfpor>  que amava adolescentes, jovens, que era a favor da vida <https://bit.ly/2GyVF69>, defendia os valores da família, e com seu marido, o Pastor Anderson do Carmo, usando nome de Jesus, alavancou votos para ela e para o Mito, todos vencedores em 2018.

Eufóricos, foram participar da posse do Mito, com a deputada federal pelo PSD (Partido Social Democrático) sendo altamente elogiada em Brasília <https://bit.ly/2I43zoH> por políticos e religiosos bolsonaristas, tem um até que afirma que será um dos discípulos, mas será que ainda deseja segui-la, após o MPRJ e Polícia Civil acusar Flordelis de ser a autora do cruel assassinato do seu marido?

A lista de pastores envolvidos em crimes é enorme, mas por limitação, finalizo com o Pastor Everaldo, denunciado pelo MPF-RJ <https://bit.ly/3iBKxCD> como o responsável por estruturar organização criminosa na área de saúde, no CEDAE e DETRAN-RJ, etc. O Pastor Everaldo já vinha roubando o RJ há anos, ele batizou o Mito no Rio Jordão (Israel) e o apresentou ao eleitor evangélico em 2018.

Tanto Everaldo, quanto o então juiz Witzel (governador do RJ, afastado também por denúncia do MPF-RJ) foram ativos na campanha para eleger Jair em 2018. Além disso, segundo levantamento feito pela Crusoé junto ao Portal Transparência <https://bit.ly/3dbhvbR>, empresa ligada ao Pastor Everaldo, tem ligações com os governos petistas, e só na Gestão Bolsonaro, já fechou 8 contratos, dos quais, 3 deles (R$ 13,6 milhões), assinados sem licitação.

Fique atento, não vote em leões com cara de bonzinhos, pois em ano eleitoral, leões do 17, 13, PSDB, MDB, DEM, PL, Republicanos, PTB, PSC e PP, baterão à sua porta, física ou virtualmente, pedido gentilmente para entrar, prometendo ajuda, oxalá sejas uma raposa madura, inteligente para dizer não a essa gente nas urnas, valendo lembrar Mateus 7:20-21: “Portanto, pelos seus frutos os conhecereis, Nem todo o que me diz: senhor, senhor!  Entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus”

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email