Motos puxam alta no Amazonas

No Amazonas, no primeiro semestre de 2013 as vendas de carros, veículos leves, motos, ônibus e caminhões apresentou um aumento de 10,61% em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), somente nos seis primeiros meses deste ano, foram vendidas no Estado 29.768 unidades destes veículos, contra 26.913 em 2012. Já o mês de junho, apresentou variação positiva de 2,42% em relação a maio e 3,59% em relação a junho de 2012.
O destaque ficou por conta das motocicletas. Em comparação com o primeiro semestre de 2012 houve crescimento 12,26% nas vendas de motos. Com 12.491 unidades vendidas neste semestre, o setor apresentou 41,96% de participação nas vendas acumuladas. O desempenho do setor de duas rodas, no entanto, teve uma leve vantagem em relação às vendas de automóveis e veículos leves, que juntos somaram 16.603 unidades – ou 55,77% do total de vendas -, um crescimento de 11,88% neste semestre. Já em comparação com maio, houve aumento de 5,18% para carros.
O gerente comercial da Kasinski BR Motos, Israel Salazar, confirma os números. Ele explica que neste semestre houve uma retomada na concessão de crédito para os consumidores, o que tem estimulado o consumo deste tipo de veículo.
“Anteriormente as vendas de motocicletas estavam em queda por conta da alta taxa de inadimplência no polo de duas rodas, o que fez com que as instituições financeiras limitassem a abertura de crédito para esses consumidores. Devido a essa situação houve uma queda muito grande na procura. Agora, os bancos estão voltando a liberar o crédito, a dar financiamento para algumas cilindradas, então o movimento tem aumentado”, explicou.
A tendência é de um aumento maior ainda para o segundo semestre. Segundo Salazar, até o momento nenhum cliente da Kasinski BR Motos teve o financiamento negado pelas instituições financeiras, o que garante uma expectativa de crescimento que varia de 2% a 6% para os próximos seis meses.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email