Montadora de caminhões e ônibus faz a maior venda e quebra recorde

A entrega dos 1 mil chassis VW 17.230 EOD começa ainda este mês, e se estenderá em lotes de até 200 unidades até julho próximo. Os ônibus serão encaminhados à Caio para encarroçamento, e depois entregues às empresas

Roberto Cortes, presidente da Volkswagen Caminhões e Ônibus, assinou na última terça-feira às 16h em Goiânia (GO) o compromisso de entrega de 1 mil ônibus Volksbus a cinco empresas de transporte da capital goiana. É a maior venda de ônibus já realizada pela montadora desde o lançamento do primeiro chassi Volksbus, em 1993. O evento contará com a presença de Alcides Rodrigues Filho, governador de Goiás, e de Íris Rezende, prefeito de Goiânia. Os empresários locais Odilon Silva e Edmundo Pinheiro também participarão da cerimônia, na sede do Governo do Estado de Goiás.
“Goiânia foi a primeira cidade brasileira a ter uma frota Volksbus, adquirindo um lote do pioneiro VW Volksbus 16.180 CO. Por isso estamos honrados em fazer mais uma venda ao sistema de transportes da cidade, já reconhecido como um dos melhores do país”, diz Roberto Cortes.
A entrega de um mil chassis VW 17.230 EOD começa ainda este mês, e se estenderá em lotes de até 200 unidades até julho próximo. Os ônibus serão encaminhados à Caio para encarroçamento, e depois entregues às empresas Rápido Araguaia, HP Transportes, Cotego e Reunidas. O lote servirá para a renovação das frotas, proporcionará maior economia de combustível e principalmente oferecerá mais conforto aos passageiros de Goiânia.

Negócio
fechado

O anúncio acontece apenas quatro dias após o anúncio do maior negócio fechado com caminhões Volkswagen: foram 1.150 veículos Constellation e Worker vendidos ao Grupo Bertin, no interior de São Paulo.
Holding que atua nos segmentos de agroindústria, infra-estrutura e energia renovável, o Grupo Bertin passou a ser um dos maiores frotistas de caminhões Volkswagen do mundo.

Setor de veículos pesados é promissor

A Volkswagen Caminhões e Ônibus é vice-líder do mercado brasileiro de ônibus há 15 anos consecutivos. De janeiro a fevereiro deste ano, comercializou 1.293 unidades, com 30% de participação e 42% de crescimento em comparação com o mesmo período de 2006. Além do mercado doméstico, a montadora vende chassis de ônibus a países da América Latina, África e Oriente Médio. Oito modelos, de mini-ônibus a chassi rodoviário, compõem a linha Volksbus.

Equipado
com motor

O VW 17.230 EOD, escolhido pelas empresas de Goiânia, é equipado com motor dianteiro eletrônico MWM International de seis cilindros, cuja turbina e calibrações permitem vantagens técnicas como faixa plana de torque atingida em rotações mais operacionais, e maior torque e potência em rotações mais baixas, oferecendo melhores arrancadas e retomadas de velocidade. Tudo isso se traduz em menor consumo de combustível e melhor desempenho.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email