Monsanto anuncia aquisição da Agroeste

A norte-americana Monsanto anunciou ontem a compra da Agroeste Sementes, com foco nos híbridos de milho. O anúncio aconteceu 42 dias após a concorrente Dow AgroSciences, também americana, ter anunciado a aquisição da divisão de sementes de milho da Agromen. O valor da operação não foi revelado.
De acordo com a Monsanto, a Agroeste continuará operando de forma autônoma, mantendo sua diretoria original, que se reportará a um Conselho formado por representantes da multinacional americana. A marca, portfólio de sementes de milho em todos os segmentos do mercado, sua infra-estrutura e seus colaboradores também serão preservados. “Trata-se da conexão entre duas companhias com um forte histórico de atuação no mercado de híbridos de milho”, afirmou Pedro Vacaro, diretor-presidente da Agroeste.
Alfonso Alba, presidente da Monsanto, disse que “esse tipo de gestão já é parte da filosofia da companhia em outras subsidiárias internacionais, que consiste em preservar a marca e toda a estrutura”. Segundo ele, a Monsanto tem anunciado novos investimentos no Brasil motivada pela confiança no processo regulatório do país e no reconhecimento dos investimentos para o desenvolvimento de produtos por parte das empresas.
Desde 2004, Monsanto e Agroeste já mantinham parceria no licenciamento de eventos da biotecnologia e material genético. “A empresa já fazia parte de nossa rede de licenciados. Mesmo deixando de fazer parte deste grupo, sua gestão se manterá independente”, afirmou o gerente de biotecnologia e licenciamento de milho da Monsanto, Christian Pflug.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email