Mobilidade urbana abre programação da Semana Nacional de Trânsito

Com o tema: ‘Os desafios da mobilidade nas grandes cidades – Ver e ser visto’, a Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), realizou o seminário na plataforma mista, on-line e presencial, aberto aos profissionais de trânsito e interessados no tema. O evento foi gratuito e aconteceu na sede do órgão no bairro Cachoeirinha, zona Sul.

O seminário faz parte da programação da Semana Nacional de Trânsito elaborada pela Prefeitura de Manaus. Ontem, houve uma atividade na escola municipal Tomáz Meireles, no conjunto Jardim Petrópolis, Petrópolis, zona Sul, onde foram realizadas oficinas educativas sobre segurança no trânsito para a comunidade, com palestras, jogos pedagógicos e rodada de conversas.

Integração

Durante o evento, os palestrantes abordaram a mobilidade urbana nas capitais do país e explanaram sobre as dificuldades que os motoristas das vias têm em compartilhar o espaço destinado a todos os usuários que diariamente utilizam as ruas para alguma finalidade, ainda que seja para uma simples locomoção, no entanto, esse deslocamento externo já se caracteriza mobilidade urbana.

“A responsabilidade pode ser entendida de maneira mais ampla pelos usuários das vias, porque o ver e ser visto é muito mais do que o condutor dar passagem ao pedestre ou preferência ao veículo menor. É preciso que toda a sociedade participe de maneira responsável para que torne o trânsito mais seguro”, frisou o assessor da presidência do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), e palestrante do evento, Julyver Modesto.

De acordo com o vice-presidente de Trânsito do IMMU, Edson Lêda, a Prefeitura de Manaus organizou o seminário para atualizar os profissionais de trânsito e mostrar à população em geral que o tema abordado faz parte do dia a dia de todas as pessoas e todos estão envolvidos na temática trânsito.

“O prefeito David Almeida tem investido muito no trânsito, esse seminário é para reforçar que o trânsito é nosso ambiente todos os dias, devemos ser conscientes das nossas responsabilidades. O pedestre deve atravessar na faixa, o ciclista andar no lado direito, o motorista de veículo grande deve proteger o menor, e assim a gente faz um trânsito seguro e harmonioso”, concluiu.

Para o vice-presidente da Federação Amazonense de Ciclismo, Marcelo Corrêa, o seminário contribuiu para que o usuário da modal bicicleta, antes de sair às ruas se coloque na posição de cidadão e faça sua parte, colabore com a responsabilidade no trânsito.

“Cada ciclista deve observar sua parte no trânsito, os equipamentos de segurança devem ser usados para que em caso de acidentes, não venha sofrer muitos danos. Isso é responsabilidade, cada um tem que contribuir e juntos teremos um trânsito seguro”, observou.

O palestrante, Ely Emerson Santos, ainda reforçou que para fazer o trânsito seguro, as sinalizações viárias, monitoramento, fiscalização e acima de tudo as atitudes das pessoas que estão ao volante, contribuem positivamente para que sinistros de trânsito e mortes sejam evitados.

Taxas do Detran-AM poderão ser pagas por meio do Pix

https://www.detran.am.gov.br/wp-content/uploads/2021/09/Divulgação-Detran-AM-1024x682.jpg
Foto Divulgação Detran

Dando continuidade à modernização no atendimento ao usuário, o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) passa a disponibilizar o pagamento de suas taxas por meio de Pix, sistema de pagamento eletrônico instantâneo. A inovação começou a valer desde ontem e  deverá contemplar todos os serviços do órgão.

Todos os boletos com as taxas do Detran, multas aplicadas pelo órgão e o seguro obrigatório (quando ele voltar a ser cobrado) passarão a vir com um QR code para o pagamento via Pix. Já o Imposto sobre Veículos Automotores (IPVA), por se tratar de um tributo da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-AM), continuará a ser emitido apenas com o código de barras, como acontece atualmente.

As multas emitidas pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) que estiverem pendentes de pagamento no ato do licenciamento do veículo, também poderão ser pagas por Pix, pois desde o último dia 1º de setembro, o órgão municipal de trânsito também passou a adotar o pagamento eletrônico instantâneo.

Agilidade

Com a nova modalidade de pagamento, o tempo de espera para a baixa do pagamento das taxas do Detran Amazonas cairá de dois dias úteis para apenas algumas horas. Isso significa que um serviço que levaria três dias para ser concluído, agora poderá ficar pronto em apenas um dia.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email