Missão norte-americana faz inspeção no Brasil

Missão sanitária de rotina do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos permanece no Brasil até 14 de setembro. A visita tem como objetivo realizar auditoria no sistema de inspeção de carne brasileira, particularmente do setor de bovinos.
O médico-veterinário norte-americano Don Carlson, responsável pela auditoria, manteve, nos dias 14 e 15 de agosto, reunião com o Dipoa (Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal), do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), quando conheceu os programas desenvolvidos para atender às exigências da legislação dos EUA.
A programação da missão prevê, ainda, visitas às indústrias, aos laboratórios e às superintendências do Mapa nos Estados do Mato Grosso, Rio Grande do Sul e Minas Gerais.
“O papel da missão norte-americana é de fundamental importância para o agronegócio brasileiro, pois dela resultará a manutenção das exportações de carne para o mercado norte-americano”, disse o responsável pela área laboratorial de resíduos e contaminantes/Mapa, Ângelo de Queiroz.
Ainda segundo ele, as visitas oficiais estão sendo acompanhadas por técnicos do Mapa.
Após concluir a visita, a missão apresentará minuta (Draft Report) para avaliação do governo brasileiro.
Atualmente, 23 estabelecimentos exportam para aquele país. O Brasil vende carne bovina termoprocessada –tratadas pelo calor (corned beef, beef jerky, carne cozida e congelada) para os Estados Unidos. Em razão do acordo mantido com o Departamento de Agricultura dos EUA, o Dipoa é responsável pela habilitação dos estabelecimentos exportadores.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email